sicnot

Perfil

Mundo

Decisão de juiz federal poderá salvar a vida deste bebé

Foto Samad Teghizadeh

Uma bebé iraniana, de quatro meses, vai agora poder entrar nos EUA e fazer a cirurgia que lhe vai salvar a vida. A menina, com problema cardíacos, estava impedida de entrar nos Estados Unidos devido às medidas anti-imigração de Donald Trump. A família tinha viajado até ao Dubai, mas foi repatriada para o Irão. Agora já vai conseguir viajar para os Estados Unidos.

Os pais da pequena Fatemeh tinham já marcada uma reunião com médicos de Portland, Oregon, etse domingo, para discutir o problema cardíaco da bebé.

Embarcaram para o Dubai mas foram impedidos de prosseguir para os EUA. Tiveram de regressar ao Irão.

O tio da criança, Samad Teghizadeh, é cidadão norte-americano e vive em Portland, bem como os avós maternos da menina.

O caso chamou a atenção de autoridades estaduais e federais.

Fatemeh tem problemas cardíacos e precisa de ser operada com urgência. Serão necessárias pelo menos duas cirurgias para resolver os problemas da bebé.

A decisão do juiz federal de Seattle poderá salvar-lhe a vida.