sicnot

Perfil

Mundo

China mostra novo míssil capaz de atingir bases dos EUA na Ásia

Andy Wong

O exército chinês publicou esta semana um vídeo em que exibe um dos seus mísseis de última geração, o DF-16, que tem capacidade para alcançar bases dos Estados Unidos da América no Japão.

As imagens difundidas pelo Exército de Libertação Popular (ELP), reproduzidas hoje pela imprensa estatal, mostram vários veículos a transportar mísseis, que o jornal assegura serem os Dongfeng DF-16.

Trata-se da terceira vez que a China expõe em público estes projéteis, após terem sido exibidos pela primeira vez durante um desfile militar celebrado em Pequim, em setembro de 2015, e ocorrem num momento de renovada tensão com os EUA e o Japão, devido ao conflito no Mar do Sul da China.

Os DF-16 são projéteis com alta precisão e um alcance superior a mil quilómetros, constituindo uma "ameaça" para as instalações militares no Japão, como a que os EUA mantêm em Okinawa, Taiwan e até Filipinas, destaca o jornal.

Lusa

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48