sicnot

Perfil

Mundo

Melania Trump volta a processar imprensa por notícias sobre o seu passado

© Carlos Barria / Reuters

A mulher do Presidente norte-americano, Melania Trump, voltou a processar um jornal britânico por notícias que davam conta que ela teria trabalhado como acompanhante de luxo na década de 1990, divulgou esta terça-feira uma fonte próxima da primeira-dama.

Melania Trump, uma ex-modelo oriunda da Eslovénia, voltou a exigir ao grupo Mail Media, que publica o jornal britânico Daily Mail, 150 milhões de dólares (cerca de 104 milhões de euros) em compensação pelos danos causados.

Furiosa com tais alegações "maliciosas e prejudiciais" publicadas durante a campanha presidencial, Melania Trump já tinha apresentado um processo por difamação em setembro de 2016 num tribunal do Estado do Maryland.

Os processos por difamação visaram então o jornal Daily Mail, mas também Webster Tarpley, autor de um blogue em Maryland (leste dos Estados Unidos).A queixa contra o britânico Daily Mail seria rejeitada por razões de competência geográfica.

O advogado de Melania Trump decidiu avançar com este processo num tribunal de Nova Iorque.

O processo relacionado com o 'blogger' Webster Tarpley prosseguiu nos habituais trâmites legais e terminou com uma vitória de Melania Trump, após um acordo negociado entre as partes, referiu hoje o advogado da queixosa em declarações à agência noticiosa francesa AFP.

Webster Tarpley aceitou pagar à atual primeira-dama dos Estados Unidos uma "quantia substancial" por ter publicado uma história falsa sobre o alegado passado de acompanhante de luxo da ex-modelo eslovena, precisou o advogado Charles Harder, sem precisar o montante envolvido.

O 'blogger' também reconheceu o erro num comunicado enviado à AFP pelo advogado de Melania Trump.

"Publiquei a 02 de agosto de 2016 um artigo sobre Melania Trump que estava cheio de informações falsas e difamatórias", admitiu Tarpley.

"Reconheço que tais afirmações foram muito ofensivas e prejudiciais para Melania Trump e a sua família e, portanto, peço as minhas sinceras desculpas a Melania Trump, ao seu filho, ao seu marido e aos seus pais", acrescentou.

Melania Trump é 24 anos mais nova do que Donald Trump e é a terceira mulher do atual Presidente dos Estados Unidos. Juntos têm um filho, Barron, de 10 anos.

Lusa

  • Atentado "falhado" em Nova Iorque
    1:43

    Mundo

    Uma explosão numa das zonas mais movimentadas de Manhattan fez quatro feridos, esta segunda-feira. Entre eles está o homem que transportava o engenho e que foi entretanto detido.

  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.

  • 10 Minutos com Leonor Beleza
    10:27

    10 Minutos

    A nossa convidada desta segunda-feira ainda é conhecida por ter sido ministra da Saúde e pelo seu trabalho à frente da Fundação Champalimaud. Mas desta vez vamos falar com Leonor Beleza sobre os 40 anos da revisão do Código Civil, em que esteve envolvida.

    Entrevista completa