sicnot

Perfil

Mundo

As duas maiores galáxias "satélite" da Via Láctea estão ligadas por uma "ponte" de estrelas

NASA

Uma equipa internacional de astrónomos detetou que as Nuvens de Magalhães, as duas maiores galáxias "satélite" da Via Láctea, estão ligadas por uma "ponte" de estrelas, divulgou esta terça-feira a universidade britânica de Cambridge, que coordenou a investigação.

Os resultados da descoberta, publicados na revista científica Monthly Notices, da Royal Astronomical Society, baseiam-se no rastreio de estrelas que está a ser feito pelo satélite Gaia, da agência espacial europeia ESA.

As Nuvens de Magalhães são as maiores e mais brilhantes galáxias anãs em redor da Via Láctea, galáxia onde se situa a Terra. Os cientistas admitem que a "ponte" de estrelas poderá ajudar a clarificar a história da interação entre as Nuvens e a Via Láctea.

Uma "corrente" ou "ponte" de estrelas forma-se quando uma galáxia anã ou um aglomerado de estrelas começa a sentir a força de maré (efeito gravitacional) do corpo em torno do qual orbita.

A equipa de astrónomos crê que a "ponte" é formada, em grande parte, por estrelas que foram "removidas" da Pequena Nuvem de Magalhães, localizada a 200.000 anos-luz da Terra, pela Grande Nuvem de Magalhães, que está a 160.000 anos-luz.

No restante, é constituída por estrelas da Grande Nuvem de Magalhães que foram "puxadas" da galáxia por uma outra, a Via Láctea.

O estudo sugere que muitas das estrelas na "ponte", mas também o gás hidrogénio, foram "extraídas" da Pequena Nuvem de Magalhães há 200 milhões de anos, quando as duas galáxias anãs passaram relativamente próximo uma da outra.

O satélite Gaia "escrutina" repetidamente o céu, medindo as posições, e as suas variações ao longo do tempo, de estrelas, galáxias distantes, pequenos corpos do Sistema Solar e exoplanetas (planetas fora do Sistema Solar).

Portugal faz parte do consórcio internacional de investigadores e engenheiros que tem a seu cargo o processamento de dados recolhidos pelo satélite e a publicação de diferentes catálogos.

Lançada em dezembro de 2013, a missão Gaia pretende criar o maior e mais preciso catálogo de posições, distâncias, movimentos, velocidades, temperaturas, luminosidades e idades de um por cento do total de estrelas da Via Láctea, segundo o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço e a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, que têm investigadores no consórcio.

Lusa

  • Incêndio na Sertã "está para durar"
    3:32

    País

    Mais de 700 operacionais combatem o incêndio com três frentes ativas, na Sertã. A jornalista da SIC, Patrícia Figueiredo, esteve junto a Relva da Louça, em Proença-a-Nova, onde avançou que a "situação está complicada" e que as chamas estão quase a alcançar a localidade. A jornalista dá conta ainda de várias equipas da Proteção Civil a ajudar os bombeiros e do seu trabalho dificultado por causa do vento.

  • Genro de Donald Trump depõe hoje no Senado

    Mundo

    Jared Kushner, genro do Presidente dos EUA Donald Trump, vai hoje depor à porta fechada perante o comité dos serviços de inteligência do Senado, a câmara alta do Congresso norte-americano.

  • " A melhoria das contas públicas não foi feita à custa dos portugueses"
    1:30

    País

    Numa espécie de balaço deste ano e meio de governação, o primeiro-ministro voltou a assinalar voltou a assinalar a redução do défice e as melhorias nas contas públicas. Num jantar com militantes em Coimbra, António Costa garantiu ainda que a "verdadeira reforça do Estado avança até ao final desta legislatura, que é a Descentralização.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Margem mínima de mil votos obriga a negociações intensas em Timor-Leste

    Mundo

    A Fretilin venceu sem maioria absoluta as lesgislativas para o VII Governo constitucional de Timor-Leste. De acordo com os dados oficiais, o partido de Mari Alkatiri obteve perto de 170 mil votos e conquistou 23 deputados. Já o partido de Xanana Gusmão que tinha vencido há cinco anos, ficou em segundo com 167 mil votos e 22 lugares no parlamento, num total de 65.

  • Projéteis com bolsas de água ajudam Israel a combater os fogos
    3:34

    Mundo

    Israel tem sido afetado por graves incêndios nos últimos meses. Várias empresas de armamento têm-se dedicado à luta contra o fogo e criaram, recentemente, uma nova arma para apagar fogos: um míssil de água, fabricado pela indústria de material de guerra, que tem ajudado bastante os bombeiros israelitas. A reportagem do correspondente da SIC no Médio Oriente, Henrique Cymerman, mostra-nos como funcionam os projéteis de água.

    Henrique Cymerman

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15