sicnot

Perfil

Mundo

Supremo Tribunal do Quénia impede encerramento do campo de refugiados de Dadaab

© STR New / Reuters

O Supremo Tribunal do Quénia recusou a proposta do Governo para encerrar o maior campo de refugiados do mundo. Construído em 1991, vivem neste campo cerca de 250 mil refugiados somalis.

A diretiva do Governo para fechar o campo e repatriar os refugiados foi emitida em 2016 por "questões de segurança". O Executivo do Quénia acredita que os ataques no país foram planeados pelo grupo al-Shabab dentro do campo.

Dadaab foi construído em 1991 para dar refúgio às famílias que fugiam do conflito na Somália. Alguns dos refugiados vivem neste campo há mais de 20 anos.

Para a Comissão dos Direitos Humanos do Quénia, a situação era "discriminatória" e contrariava a lei internacional, razão pela qual o juiz decidiu impedir o encerramento.

O Governo pode agora pedir recurso da decisão do Supremo.

  • "A nossa lei tem demasiados buracos"
    0:44

    País

    Rui Cardoso acusa a classe política de não querer resolver os problemas da corrupção em Portugal. Entrevistado na Edição da Noite da SIC Notícias o magistrado do Ministério Público considera que ainda há um longo caminho a percorrer no combate à corrupção.

  • Beyoncé e a irmã caem e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.