sicnot

Perfil

Mundo

Trump envia carta à China e pede "relação construtiva" entre os dois países

© Kevin Lamarque / Reuters

O Presidente dos Estados Unidos enviou uma carta ao chefe de Estado chinês onde agradece as felicitações pela sua tomada de posse. Trump espera poder "desenvolver uma relação construtiva" com Xi Jinping e o país. A China já respondeu e agradece o gesto de Trump.

Na carta enviada na quarta-feira, o Presidente norte-americano aproveitou para desejar um feliz ano novo lunar aos chineses, que comemoram a chegada do novo ano na semana passada.

Apesar de Trump ter sido o único líder americano nos últimos anos que não enviou felicitações no início do ano novo chinês, o ministro dos Negócios Estrangeiros da China já veio dizer que o país atríbuiu uma grande importância à carta e ao gesto de Trump. Estas declarações deitam por terra as especulações de que a China considerava que o silêncio de Trump fosse um gesto intencional.

"A China quer colaborar com os EUA segundo princípios de mútuo respeito", assegurou o ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, depois de nos últimos meses Trump ter atacado por várias vezes as políticas de comércio chinesas. Os dois países parecem estar de acordo que "a cooperação entre nós e a única opção".

Apesar de ter falado ao telefone com vários líderes mundiais, Donald Trump ainda não telefonou a Xi Jinping.

  • Bruno de Carvalho manda SMS aos jogadores em nome dos jogadores. Confuso?

    Desporto

    De acordo com a imprensa desta manhã, o presidente do Sporting Clube de Portugal terá enviado mensagens escritas aos jogadores com o seguinte texto "Obrigado presidente pelas felicitações. Ainda temos muito para conquistar juntos" e assinou com o nome do jogador a quem enviou a mensagem. Uma aparente reação ao facto de nenhum dos jogadores ter respondido às mensagens escritas por Bruno de Carvalho, com incentivos e elogios antes e depois da vitória do Sporting frente ao Boavista.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • Governo promete melhorar condições de 26 mil famílias
    1:23

    País

    O ministro do Ambiente explicou esta terça-feira, no Parlamento, as novas medidas para a habitação: reduzir os impostos para arrendamentos longos, melhorar as condições de 26 mil famílias e introduzir o arrendamento vitalício para maiores de 65 anos. Este é um investimento que vai chegar aos 1700 milhões de euros.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31
  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17