sicnot

Perfil

Mundo

Salvas 100 baleias das mais de 400 encalhadas numa praia na Nova Zelândia

© Anthony Phelps / Reuters

Cerca de 100 baleias foram salvas depois de terem ficado encalhadas numa praia perto de Nelson, na ilha do Sul da Nova Zelândia.

Segundo o gestor das operações do Ministério de Conservação neozelandês em Golden Bay, Andrew Lamason, aproximadamente 300 baleias morreram e as que foram salvas encontram-se atualmente na baía perto da praia e juntaram-se a um novo grupo de baleias-piloto, esperando-se agora que sigam para águas profundas.

Aquele que figura como um dos maiores incidentes com baleias encalhadas na Nova Zelândia -- foram contabilizadas 416 -- desencadeou uma onda de voluntariado, com muitos a ajudarem as equipas de resgaste a manter vivos os cetáceos garantindo que mantinham água no corpo enquanto se aguardava a subida da maré.

Desconhecem-se as razões pelas quais as baleias-piloto, espécie presente em todos os oceanos do mundo que podem medir até 7,5 metros e pesar mais de três toneladas, ficaram presas.

"Estamos a fazer figas para que as novas baleias as levem para águas profundas", afirmou Andrew Lamason, advertindo que "há a possibilidade de algumas voltarem a dar à costa".

Terminados os esforços de salvamento resta agora às autoridades começarem a voltar atenções para a hercúlea tarefa de remover do areal as centenas de carcaças.

O mesmo responsável indicou que uma opção em cima da mesa é arreatar as carcaças a estacas ou a um barco nas águas rasas e esperar que se decomponham.

A Nova Zelândia tem uma das mais elevadas taxas de baleias encalhadas do mundo.O episódio de sexta-feira foi o terceiro maior da história do país.O maior remonta a 1918, quando aproximadamente 1.000 baleias-piloto deram à costa no arquipélago de Chatham, a 680 quilómetros a sueste das principais ilhas da Nova Zelândia.Mais tarde, em 1985, cerca de 450 baleias encalharam em Auckland.DM

Lusa


  • Cerca de 300 baleias mortas dão à costa na Nova Zelândia 
    0:42

    Mundo

    Cerca de 300 baleias-piloto mortas deram à costa na Nova Zelândia. Fontes oficiais neozelandesas disseram a uma estação local que se calcula que ficaram encalhadas 416 baleias durante a noite. O local onde os animais apareceram é muito arenoso e localiza-se no sul do país.

  • Conselho Europeu elege sedes de agências em novembro

    Mundo

    Os líderes da UE adotaram os critérios para a escolha das cidades que acolherão as sedes das agências europeias atualmente em Londres, uma das quais a do Medicamento, que Portugal quer receber, agendando a eleição para novembro.

  • Morreu Miguel Beleza, antigo ministro das Finanças e governador do BdP
    1:34
  • "Estamos a ficar sem espaço. Está na hora de explorar outros sistemas solares"

    Mundo

    O físico e cientista britânico Stephen Hawking revelou alguns dos seus desejos para um novo plano de expansão espacial. Hawking está em Trondheim, na Noruega, para participar no Starmus Festival que promove a cultura científica. E foi lá que o físico admitiu que a população mundial está a ficar sem espaço na Terra e que "os únicos lugares disponíveis para irmos estão noutros planetas, noutros universos".

    SIC

  • Não posso usar calções... visto saias

    Mundo

    Perante a proibição de usar calções no emprego, um grupo de motoristas franceses adotou uma nova moda para combater o calor. Os trabalhadores decidiram trocar as calças por saias, visto que a peça de roupa é permitida no uniforme da empresa para a qual trabalham.

  • De refugiada a modelo: a história de Mari Malek

    Mundo

    Mari Malek chegou aos Estados Unidos da América quando era ainda uma criança. Chegada do Sudão do Sul, a menina era uma refugiada à procura de um futuro melhor, num país que não era o seu. Agora, anos depois, Mari Malek é modelo, DJ e atriz, e vive em Nova Iorque. Fundou uma organização sediada no país onde nasceu voltada para as crianças que passam por dificuldade, como também ela passou.