sicnot

Perfil

Mundo

Milhares manifestam-se pelo 13.º dia consecutivo na Roménia contra a corrupção

Milhares manifestam-se pelo 13.º dia consecutivo na Roménia contra a corrupção

Mais de 15 mil pessoas manifestaram-se este domingo, pelo 13.º dia consecutivo, em Bucareste e noutras cidades romenas contra a corrupção na classe política, apesar de o Governo ter recuado no decreto que despenalizava alguns casos.

Segundo a televisão pública da Roménia TVR, entre os milhares de manifestantes que se concentraram frente à sede do governo, gritavam-se palavras de ordem como "vergonha" e "não vamos para casa, os ladrões não nos deixam" e liam-se em cartazes exigências como "Governo limpo e competente".

Apesar das baixas temperaturas, cerca de 10 mil pessoas saíram às ruas em Bucareste, quatro mil em Cluj Napoca, 1.500 em Timisoara e várias centenas em Sibiu, Brasov e Iasi, segundo a TVR.

Florin Iordache, autoproclamado autor do decreto que previa despenalizar crimes de abuso de poder e corrupção caso o prejuízo causado ao Estado fosse inferior a 44 mil euros, demitiu-se como ministro de Justiça na quinta-feira e no dia seguinte o parlamento chumbou uma moção de censura apresentada pela oposição liberal contra o Governo.

O primeiro-ministro romeno, Sorin Grindeanu, declarou que não se demitirá, mas assegurou que vai iniciar um debate com a oposição e a sociedade civil para reformar o sistema judicial.

Com Lusa

  • Troika nem sempre protegeu os mais vulneráveis, conclui avaliação do FMI

    Economia

    O organismo de avaliação independente do FMI concluiu que as medidas aplicadas pela troika em Portugal nem sempre protegeram as pessoas com menos rendimentos, apontando que a primeira preocupação do Fundo era a redução dos défices, apurou o gabinete independente de avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI),

  • "A maioria das pessoas que criticou André Ventura nunca viveu esses problemas"
    3:43

    Opinião

    A polémica em torno das declarações do candidato do PSD à Câmara de Loures, André Ventura, sobre o modo de vida da etnia cigana no concelho, esteve em análise no Jornal da Noite desta segunda-feira. Miguel Sousa Tavares defende que "os problemas existem mas não podem ser generalizados". O comentador SIC considera, ainda assim, que André Ventura tem razão quando diz que "a maioria das pessoas que o criticou nunca viveu esses problemas".

    Miguel Sousa Tavares