sicnot

Perfil

Mundo

Barragem nos EUA em risco de colapso, retiradas quase 200 mil pessoas

Barragem nos EUA em risco de colapso, retiradas quase 200 mil pessoas

O risco de colapso de uma barragem, no estado norte-americano da Califórnia, levou à retirada de quase 200 mil pessoas. A barragem de Oroville fica a cerca de 250 quilómetros de São Francisco.

A ordem de evacuação foi dada este domingo. As estradas encheram-se de carros com milhares de familias em fuga, no norte do estado da Califórnia. Na origem do alerta, esteve uma fissura na barragem de Oroville, que ameça fazer ruir uma das seções e inundar as cidades mais próximas.

Depois de várias semanas de chuva intensa, a barragem atingiu a capacidade máxima e a água teve de ser libertada por um descarregador de emergência pela primeira vez em 50 anos.

Para evitar o colapso, as autoridades estão a lançar pedras e cimento em pontos estratégicos da estrutura, ao mesmo tempo que tentam reduzir o nível de água da barragem para diminuir a pressão e conter eventuais fugas.

As equipas responsáveis pela operação garantem que a erosão não está a evoluir de forma rapida. Ainda assim, lembram que a situação mantém-se perigosa.

A barragem de Oroville é a mais alta dos Estados Unidos, com mais de 200 metros de altura.

  • Mais de 180 mil pessoas retiradas devido ao risco de colapso de uma barragem na Califórnia

    Mundo

    Mais de 180 mil pessoas foram retiradas das suas casas a norte da Califórnia, nos Estados Unidos, devido aos danos causados pelas fortes chuvas na barragem de Oroville. O nível das águas subiu drasticamente e a estrutura terá começado a ceder devido à força das correntes. Em 50 anos de existência, esta é a primeira vez que se regista uma situação de emergência na barragem de Oroville.

  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Novo vídeo do Daesh mostra crianças a treinar para matar
    3:35
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Trump propõe cortes orçamentais para pagar muro

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos está a propor cortes de milhões de dólares no orçamento para que os contribuintes norte-americanos, e não o México, paguem o muro a construir na fronteira entre os dois países.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.