sicnot

Perfil

Mundo

Entidades científicas dos EUA admitem ensaios para edição de genoma humano

As academias norte-americanas de Ciências e Medicina admitem, num relatório divulgado esta terça-feira, a possibilidade de ensaios clínicos visando a edição do genoma humano hereditário (corta e cola de ADN num embrião) para fins terapêuticos e sob supervisão rigorosa.

A edição do genoma (toda a informação genética) a que se refere o relatório significa adicionar, remover ou substituir pares de bases de ADN (moléculas que carregam a informação genética) em gâmetas (células sexuais) ou embriões.

O documento considera que, uma vez que a tecnologia está a avançar muito rapidamente, a edição do genoma em embriões, óvulos, esperma ou células estaminais, no futuro, é "uma possibilidade realista" que merece ser devidamente estudada.

Para avançarem, os ensaios clínicos terão de restringir a edição de genes aos que podem causar ou predispor a uma doença grave e acautelar a equação riscos-benefícios para a saúde, salvaguarda o relatório.

Nos Estados Unidos, a edição do genoma humano é usada na investigação básica e está a começar a ser testada em aplicações clínicas que abrangem células somáticas (células que, ao contrário das reprodutivas, não estão envolvidas na reprodução) e para efeitos de prevenção e tratamento de doenças numa determinada pessoa.

Contudo, é proibida a edição do genoma humano hereditário, da chamada 'linha germinativa' (das células reprodutivas e do embrião).

As academias norte-americanas de Ciências e de Medicina criaram um comité de especialistas internacionais para avaliar questões científicas, éticas, sociais e políticas associadas à edição do genoma humano.

"A edição do genoma humano é uma grande promessa para a compreensão, o tratamento ou para a prevenção de muitas doenças genéticas devastadoras e para melhorar o tratamento de muitas outras doenças", assinalou a copresidente do comité, Alta Charo, citada num comunicado das duas instituições privadas.

A perita em bioética ressalvou, no entanto, que "a edição do genoma para melhorar traços ou capacidades gera preocupações sobre se os riscos podem pesar mais que os benefícios".

Uma das preocupações refere-se à interferência na reprodução humana, muito embora a edição do genoma da 'linha germinativa' possa fornecer a alguns pais portadores de doenças genéticas a possibilidade de terem filhos livres dessas patologias.

Lusa

  • Quem deve ser o próximo treinador do FC Porto?

    Desporto

    Nuno Espírito Santo já não é treinador do FC Porto. O técnico e o clube chegaram a acordo mútuo para a rescisão do contrato, que o ligava por mais uma temporada aos dragões. Nuno Pinto da Costa tem agora que encontrar um novo treinador para orientar dos "dragões". Os nomes em cima da mesa são vários. Diga-nos quem deve ser o novo treinador do FC Porto.

  • Os treinadores do FC Porto desde o último título 

    Desporto

    Nunca o FC Porto esteve quatro anos consecutivos sem ganhar um título durante a presidência de Nuno Pinto da Costa. A ausência de vitórias teve início na época de 2013/14, quando começou uma autêntica dança de treinadores.

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • Divulgado vídeo dos bambardeamentos contra o Daesh no Iraque
    0:42
  • Leão-marinho arrasta criança de doca em Vancouver
    0:51

    Mundo

    O momento em que um leão-marinho arrasta uma menina para a água foi gravado e publicado na internet. Sem nada que fizesse prever, o animal puxou a criança que estava sentada numa doca em Vancouver, no Canadá. A criança foi resgatada de imediato por um familiar e apesar do susto não sofreu ferimentos. O momento de aflição foi testemunhado por vários turistas.