sicnot

Perfil

Mundo

Ucrânia declara estado de emergência energética devido à escassez de carvão

© Hannibal Hanschke / Reuters

O Governo da Ucrânia declarou esta quarta-feira o estado de emergência energética face a uma grave escassez de antracite, carvão produzido nos territórios pró-russos do leste e que grupos ultranacionalistas ucranianos estão a impedir que entre na zona oeste do país.

O estado de emergência implicará restrições nas horas de fornecimento de energia elétrica à população.

O primeiro-ministro ucraniano, Volodymyr Groysman, apelou aos grupos ultranacionalistas radicais ucranianos para terminarem com o bloqueio e recordou que algumas das principais cidades do país podem ficar sem eletricidade caso as centrais térmicas não receberem antracite, uma variedade do mineral carvão essencial para o seu funcionamento.

"Estas ações são absolutamente intoleráveis. E julgo que as entregas de carvão devem ser desbloqueadas o mais rapidamente possível", afirmou Groysman no decurso de uma reunião de emergência do seu gabinete.

O chefe do Governo advertiu que "o bloqueio implicará o encerramento das indústrias metalúrgicas do país que dão emprego a 300.000 pessoas".

As atuais reservas de antracite, que se utiliza para produzir mais de 10% da energia elétrica, poderão terminar no prazo de nove dias.

Um grupo de radicais ucranianos, incluindo antigos combatentes e atuais deputados do parlamento, mantêm bloqueadas desde há três semanas as vias férreas que transportam este mineral produzido nos territórios pró-russos do leste da Ucrânia para as outras regiões do país.

Os ultranacionalistas argumentam que o comércio com os territórios separatistas é uma fonte de financiamento para as milícias armadas pró-russas que combatem as tropas governamentais de Kiev.

Na sequência da sublevação armada em 2014 no leste da Ucrânia, os fornecimentos de carvão ao resto do país foram suspensos devido aos combates, apesar de mais terem sido restabelecidos em parte.

Das 14 centrais elétricas existentes na Ucrânia, sete operam apenas com o carvão proveniente da zona hulhífera de Donetsk.

Lusa

  • "A vitória de Bruno de Carvalho pode ser uma vitória de Pirro"
    1:01
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    As eleições para a presidência do Sporting realizam-se no próximo sábado e os comentadores d'O Dia Seguinte avaliaram já as hipóteses de vitória dos candidatos. Rui Gomes da Silva considera que a gravação que implicava José Maria Ricciardi não vai influenciar a decisão de voto. Já Paulo Farinha Alves acredita que Bruno de Carvalho vai vencer a eleição. Contudo José Guilherme Aguiar avisa as eleições podem não trazer estabilidade ao Sporting.

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • SIC revela relatório que provava falência do GES
    2:06
  • Sócrates acusa Cavaco de conspiração
    0:57
  • Bastidores do sambódromo: um espétaculo à parte
    3:22
  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22
  • Como a maioria de Esquerda gere as votações
    2:15

    País

    A gestão entre os partidos é feita diariamente mas nem sempre PCP e Bloco de Esquerda têm votado ao lado do Governo. A SIC ouviu um politólogo, que diz que o objetivo é cada um salientar as diferenças que os separam do PS. No entanto, também há exemplos que provam que nenhum dos partidos quer pôr em causa a estabilidade política.