sicnot

Perfil

Mundo

China encerra mercados de aves vivas face a surto de gripe das aves

© Bobby Yip / Reuters

A China ordenou o encerramento de mercados de aves vivas nas regiões centro e sul do país, numa altura em que enfrenta um grave surto do vírus H7N9 da gripe das aves, com 87 mortos só este ano.

A imprensa estatal noticia esta sexta-feira que a Comissão Nacional de Saúde e Planificação Familiar ordenou o encerramento em todos os locais onde foram registados casos de infeção.

A maioria ocorreu nos deltas do rio Yangtze e do rio das Pérolas, que inclui Macau e Hong Kong, regiões com condições meteorológicas propícias à transmissão do vírus, devido ao inverno ameno e húmido.

No total, foram reportados mais de 250 casos em 16 províncias e regiões, incluindo na província de Yunnan, no sudoeste da China.
O número de mortos desde o início do ano é o mais alto desde pelo menos 2013.

Além de ordenarem o encerramento de mercados, as autoridades estão a treinar funcionários para fazerem o rastreio, o diagnóstico precoce e tratarem da doença, enquanto urgem a população a evitar o contacto com aves vivas.

O vírus H7N9 é considerado menos virulento do que o H5N1, que a Organização Mundial de Saúde relaciona com centenas de mortos em todo o mundo ao longo da última década.

O H7N9 não é transmitido entre seres-humanos, mas através de aves infetadas.

A agência noticiosa oficial Xinhua cita um responsável do Centro de Prevenção e Controlo da Doença, que afirma que o encerramento dos mercados terá "reduzido enormemente o número de novas infeções em muitas regiões".

Lusa

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02