sicnot

Perfil

Mundo

Trump convida líder palestiniano a visitar a Casa Branca

O Presidente norte-americano, Donald Trump, convidou, numa conversa telefónica, o líder palestiniano Mahmoud Abbas a visitar a Casa Branca "em breve", indicou a Autoridade Palestiniana citada pela agência palestiniana oficial Wafa.

Durante esta primeira conversa telefónica entre os dois líderes desde a posse de Trump (em 20 de janeiro), o chefe de Estado norte-americano convidou o Presidente da Autoridade Palestiniana a visitar Washington "em breve para discutir formas de retomar o processo político", disse a fonte palestiniana.


Trump sublinhou ainda "o compromisso [da administração norte-americana] num processo de paz genuíno entre palestinianos e israelitas", referiu a mesma fonte.


Já Abbas abordou de forma explícita a solução de dois Estados (israelita e palestiniano), ideia sobre a qual Donald Trump pareceu distanciar-se durante um encontro com o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, em meados de fevereiro, rompendo assim com décadas de diplomacia internacional.


Ainda na conversa via telefone, o Presidente da Autoridade Palestiniana salientou o seu "compromisso a favor da paz como uma opção estratégica (e) para o estabelecimento de um Estado palestiniano ao lado de Israel", concluiu a mesma fonte.

Lusa

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.

  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras