sicnot

Perfil

Mundo

Arqueólogos chineses descobrem seis cidades enterradas umas sob as outras

Arqueólogos chineses desenterraram seis cidades antigas, construídas sobre as ruínas umas das outras, no mesmo local arqueológico, no centro da China, informou hoje o jornal de Hong Kong South China Morning Post.

A descoberta ocorreu em Xinzheng, na cidade de Kaifeng, uma das mais antigas do país asiático e capital de várias dinastias da China Antiga.

A primeira cidade construída, chamada Kailang, remonta à época dos Reinos Combatentes (575 - 221 AC, período imediatamente anterior à primeira unificação da China), enquanto a mais recente data da última dinastia imperial, a Qing (1644-1911).

O local onde outrora existiam as cidades está situado na margem sul do rio Amarelo, o que levou à degradação das antigas construções - devido a inundações ou resíduos deixados pela corrente.

As primeiras notícias sobre a possível existência destas seis cidades foram publicadas no ano 2006, ainda que as escavações só tenham arrancado em 2012. Os resultados do projeto, batizado "Cidade sobre Cidade", só foram divulgados agora.

Cada cidade está enterrada vários metros sob aquela que a sucedeu e Kailang, a mais antiga, estava 12 metros abaixo do solo, destacou o South China Morning Post.

As seis cidades apresentam semelhanças no desenho urbanístico, com as construções ordenadas num rígido eixo norte-sul, obedecendo ao conceito tradicional chinês de geomancia.

Lusa

  • O que o mundo diz sobre o busto de Cristiano Ronaldo

    Desporto

    O Aeroporto Cristiano Ronaldo foi inaugurado esta quarta-feira. A notícia foi dada pelos meios de comunicação de todo o mundo, que não deixaram passar o busto do jogador português, apresentado pelo próprio. A estátua foi amplamente comentada e analisada, com palavras como "terrível", "duvidoso" e "bizarro".

    Ana Rute Carvalho

  • Mulher detida ao tentar atropelar polícias junto ao Capitólio, em Washington

    Mundo

    Agentes da polícia abriram fogo contra uma mulher (e não um homem, ao contrário do que inicialmente se disse) que conduzia um carro perto do Capitólio e tentava atropelá-los, segundo o Departamento da Polícia Metropolitana de Washington. A mulher foi detida mas a polícia garante que não se tratou de um ato terrorista.

  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.