sicnot

Perfil

Mundo

Encontro entre Trump e Merkel adiado para sexta-feira devido a tempestade de neve

O encontro entre o Presidente Donald Trump e a chanceler alemã, Angela Merkel, previsto para terça-feira, foi adiado para sexta-feira devido a uma tempestade que deverá atingir o nordeste dos Estados Unidos, anunciou hoje a Casa Branca.

"O Presidente falou com a chanceler alemã. Concordaram que o encontro devia ser adiado e reagendado para 17 de março [sexta-feira] devido às condições meteorológicas", disse o porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, em declarações aos jornalistas.


Segundo informaram os 'media' alemães, a partida do avião da chanceler foi cancelada quando o aparelho estava quase a descolar.
É a primeira viagem de Merkel a Washington desde que Trump chegou à Casa Branca, no passado dia 20 de janeiro.


Angela Merkel ia à capital federal americana a convite da Casa Branca e, de acordo com o programa avançado hoje por fontes alemãs, a chanceler iria ter um encontro bilateral com Trump e depois iria ter uma reunião com a presença de investidores e empresários.
Horas antes de entrar no avião, a líder alemã tinha realçado que os Estados Unidos são um parceiro comercial "central" para a Alemanha e da União Europeia (UE) e sublinhou que "o diálogo direto é sempre melhor quando alguém fala com o outro".


"Falar com o outro, em vez do outro, será o meu lema desta viagem", assegurou Merkel numa conferência de imprensa com representantes empresariais e do patronato antes da viagem a Washington.


A chegada de Trump à Casa Branca evidenciou os diferentes pontos de vista entre os parceiros transatlânticos em vários assuntos, como o comércio.


Perante estas eventuais diferenças, Merkel destacou a importância do comércio transatlântico e realçou os benefícios que traz para os Estados Unidos e a UE.


A agência norte-americana Associated Press noticiou hoje que as companhias aéreas dos Estados Unidos cancelaram quase 4.000 voos internos previstos para hoje e terça-feira devido à forte tempestade de neve que deverá atingir nos próximos dias a região nordeste dos Estados Unidos.


O programa informático de localização de aviões FlightAware.com anunciou ao final da manhã de hoje que mais de 1.100 voos previstos para hoje e 2.800 para terça-feira foram cancelados. As cidades mais afetadas são Chicago, Washington, Boston e Nova Iorque.


Foram emitidos alertas para Nova Iorque, partes do norte de New Jersey e do sul do Connecticut, com previsão de rajadas de vento de 90 quilómetros por hora. A neve pode atingir os 45 centímetros nas cidades de Nova Iorque e Boston, 30 em Filadélfia e 25 em Washington.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    1:41
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.

  • A SIC visitou os bastidores do Santuário de Fátima
    7:43
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52