sicnot

Perfil

Mundo

Ministro alemão quer cortar financiamento estatal a partido de extrema-direita

© Fabrizio Bensch / Reuters

O ministro da Justiça da Alemanha afirmou hoje querer estudar formas de cortar o financiamento estatal a um partido de extrema-direita nos próximos meses.

Em janeiro, o tribunal supremo da Alemanha decidiu que o Partido Nacional Democrático (NPD) era demasiado insignificante politicamente para justificar ser proibido, mas disse que os seus objetivos contrariam a Constituição alemã.

A câmara alta do parlamento, que pediu a proibição do partido, lançou na semana passada uma iniciativa para cortar o financiamento estatal aos partidos anticonstitucionais.

Hoje, o ministro da Justiça, Heiko Maas, disse ao grupo de media Funke que se deve "examinar muito cuidadosamente as possibilidades" de retirar financiamento ao NPD, considerando que esse objetivo pode ser alcançado neste mandato, que termina com as eleições previstas para setembro.

Maas disse que o "dinheiro dos impostos entregue ao NPD é um investimento direto estatal na agitação radical de direita".

Lusa

  • Marcelo de volta a casa após diagnóstico de gastroenterite aguda
    3:37
  • "Todas as decisões que tomei foi sempre a pensar no Sporting primeiro"
    2:08
  • Saransk tanto anseia por Ronaldo que até lhe fizeram um vídeo e uma música
    3:07
  • Portugal quer atrair imigrantes
    1:28

    País

    O Governo prepara-se para regularizar a situação de 30 mil imigrantes ilegais que vivem em Portugal. De acordo com a edição deste sábado do semanário Expresso, o Executivo pretende também abrir portas a 75 mil novos imigrantes por ano.