sicnot

Perfil

Mundo

Polícia vira "herói" em Hong Kong

Polícia de Hong Kong

Um polícia de Hong Kong, de 20 anos, foi catapultado para a fama depois que conversar com um paquistanês que se tentava suicidar em urdu fluente.

O homem tinha subido a um guindaste de 20 metros de altura e a polícia foi chamada para a cena.

O polícia, Ifzal Zaffar, de descendência paquistanesa, também subiu e dirigiu-se a ele na sua língua comum, urdu, de origem indo-europeia. Por fim, o homem concordou descer e foi levado para o hospital.

O agente Zaffer, que também fala fluentemente cantonês, disse que estava simplesmente a seguir o seu treino.

"Eu usei as técnicas que aprendemos na academia. Acho que se sentiu mais seguro sabendo que eu poderia falar com ele na sua própria língua", disse à Apple Daily.

O jovem juntou-se à polícia há pouco menos de um ano e é o único oficial de origem paquistanesa no distrito. O comportamento do agente Zaffer durante a delicada situação rendeu-lhe elogios dos superiores e um clube de fãs nas redes sociais.

"Ele é muito bonito e tem ainda um coração de ouro", disse Nuna Priya, utilizadora do Facebook.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.