sicnot

Perfil

Mundo

Reino Unido vai ativar Artigo 50 na próxima semana

Reino Unido vai ativar Artigo 50 na próxima semana

Theresa May dá início no dia 29 de março à discussão dos termos da saída da União Europeia. A data já foi comunicada ao Conselho Europeu. As negociações deverão durar dois anos e o Reino Unido deixará de fazer parte da UE em março de 2019.

  • Em Bruxelas "está tudo a postos" para as negociações

    Mundo

    A Comissão Europeia confirmou hoje ter sido informada por Londres de que a notificação para a saída do Reino Unido da UE chegará em 29 de março e sublinhou que, em Bruxelas, "está tudo a postos" para as negociações."Sim, fomos informados com antecedência (da data da ativação do artigo 50 do Tratado de Lisboa).

  • Brexit terá início a 29 de março

    Brexit

    A notificação do governo britânico para a saída do Reino Unido da União Europeia será feita na quarta-feira, foi hoje confirmado oficialmente. A confirmação da data foi feita após o embaixador britânico para a UE, Tim Barrow, ter avisado o gabinete do presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, de que uma carta seria entregue na quarta-feira da próxima semana.

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.