sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos um polícia morto em ataque no Egito

Pelo menos um polícia morreu e quatro ficaram feridos esta terça-feira, num ataque junto ao Mosteiro Ortodoxo de Santa Catarina, no Monte Sinai, no Egipto. Vários homens armados terão disparado sobre um ponto de controlo da polícia, ao lado do mosteiro.

Última atualização 22:00

A informação está a ser avançada pela televisão estatal egípcia.

Este ataque acontece uma semana depois do duplo atentado em igrejas coptas, reivindicado pelo Daesh, e que matou 45 pessoas.

Os factos ocorreram na zona de controlo da segurança do mosteiro, de acordo com a mesma fonte, que não conseguiu precisar qual foi a causa dos tiros.

Não foi fornecida qualquer outra informação sobre o incidente.

"Uma pessoa foi morta, enquanto quatro outras foram mortas", declarou à televisão estatal egípcia um responsável do ministério da Saúde na província do Sinai do Sul, que referiu que os feridos estão estáveis e foram transferidos para a cidade vizinha de Sharm el-Sheikh, uma famosa estância turística.

O mosteiro de Santa Catarina situa-se na província do Sinai do Sul, cerca de 500 quilómetros a leste da capital egípcia, Cairo, e trata-se de um local muito frequentado por turistas egípcios e estrangeiros.

Desde a destituição, pelo Exército, do Presidente islamista Mohammed Morsi, em 2013, o norte da península do Sinai é palco de atentados perpetrados por 'jihadistas', principalmente dirigidos contra a polícia e os militares.

O ramo egípcio do grupo radical Estado Islâmico reivindicou um atentado que matou, em 31 de outubro de 2015, os 224 ocupantes de um avião que transportava turistas russo, que regressavam da estância balnear de Sharm el-Sheikh.

Com Lusa

  • Atentados no Egito fazem 43 mortos
    3:01

    Mundo

    O Daesh reivindicou os atentados deste domingo contra cristãos coptas, no Egipto. Pelo menos 43 pessoas morreram nas explosões em duas igrejas, em Alexandria e Tanta.

  • Jovens adoptados e filha do líder da IURD com versões diferentes dos acontecimentos
    4:06

    País

    Os jovens adoptados e a filha do bispo Edir Macedo, que alegadamente os adoptou, têm versões diferentes sobre o que aconteceu. Vera e Luís Katz garantem que foram adoptados por uma família norte-americana, com que viveram até aos 20 anos. Viviane Freitas, filha do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, conta que foi mãe das crianças durante três anos, apesar de lhe ter sido negada a adopção.

  • Cabecilha da seita Verdade Celestial é "mentiroso, egocêntrico e psicótico"
    2:22

    País

    O cabecilha da seita "Verdade Celestial" foi condenado a 23 anos de pena de prisão por abusos sexuais de crianças e adolescentes. O juiz diz que o cabecilha do grupo era mentiroso patológico, egocêntrico, impulsivo e com personalidade psicótica. Dos oito acusados, duas mulheres foram absolvidas e seis arguidos foram condenados a penas efetivas. A rede de abusadores foi desmantelada há dois anos, numa quinta de Palmela.

  • Mau tempo obriga ao cancelamento de centenas de voos na Europa
    1:21
  • Antigos quadros da Facebook declaram-se preocupados com efeitos da rede social

    Mundo

    Alguns dos antigos quadros da empresa Facebook estão a começar a exprimir sérias dúvidas sobre a rede social que ajudaram a criar, foi noticiado. A Facebook explora "uma vulnerabilidade na psicologia humana" para criar dependência entre os seus utilizadores, afirmou o primeiro presidente da empresa, Sean Parker, num fórum público.