sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos um polícia morto em ataque no Egito

Pelo menos um polícia morreu e quatro ficaram feridos esta terça-feira, num ataque junto ao Mosteiro Ortodoxo de Santa Catarina, no Monte Sinai, no Egipto. Vários homens armados terão disparado sobre um ponto de controlo da polícia, ao lado do mosteiro.

Última atualização 22:00

A informação está a ser avançada pela televisão estatal egípcia.

Este ataque acontece uma semana depois do duplo atentado em igrejas coptas, reivindicado pelo Daesh, e que matou 45 pessoas.

Os factos ocorreram na zona de controlo da segurança do mosteiro, de acordo com a mesma fonte, que não conseguiu precisar qual foi a causa dos tiros.

Não foi fornecida qualquer outra informação sobre o incidente.

"Uma pessoa foi morta, enquanto quatro outras foram mortas", declarou à televisão estatal egípcia um responsável do ministério da Saúde na província do Sinai do Sul, que referiu que os feridos estão estáveis e foram transferidos para a cidade vizinha de Sharm el-Sheikh, uma famosa estância turística.

O mosteiro de Santa Catarina situa-se na província do Sinai do Sul, cerca de 500 quilómetros a leste da capital egípcia, Cairo, e trata-se de um local muito frequentado por turistas egípcios e estrangeiros.

Desde a destituição, pelo Exército, do Presidente islamista Mohammed Morsi, em 2013, o norte da península do Sinai é palco de atentados perpetrados por 'jihadistas', principalmente dirigidos contra a polícia e os militares.

O ramo egípcio do grupo radical Estado Islâmico reivindicou um atentado que matou, em 31 de outubro de 2015, os 224 ocupantes de um avião que transportava turistas russo, que regressavam da estância balnear de Sharm el-Sheikh.

Com Lusa

  • Atentados no Egito fazem 43 mortos
    3:01

    Mundo

    O Daesh reivindicou os atentados deste domingo contra cristãos coptas, no Egipto. Pelo menos 43 pessoas morreram nas explosões em duas igrejas, em Alexandria e Tanta.

  • Principais factos da acusação no caso BPN dados como provados

    País

    O coletivo de juízes responsável pelo julgamento do processo principal do caso BPN interrompeu perto das 13:00 a leitura do acórdão iniciada pelas 10:30. Os principais factos da acusação são dados como provados, mas a leitura deverá demorar algumas horas.

  • Greve na Função Pública vai afetar escolas, saúde e cultura

    País

    A greve nacional convocada para sexta-feira pela Federação Nacional dos Sindicatos da Função Pública (FNSTFPS) deverá afetar as escolas, a área da saúde e ainda da cultura, entre outros serviços, afirmou esta quarta-feira a dirigente sindical, Ana Avoila.

  • Papa pede a Trump para ser pacificador
    1:12
  • Supremo confirma condenação de Messi por fraude fiscal

    Desporto

    O Supremo Tribunal de Justiça espanhol confirma a condenação de Lionel Messi por fraude fiscal. A notícia foi avançada pelo El País. O jogador do Barcelona foi condenado a 21 meses de prisão por três crimes fiscais que lesaram o Estado em 4,1 milhões de euros.

  • Autódromo do Estoril está ilegal há 45 anos

    Desporto

    De acordo com o Público este equipamento desportivo, inaugurado na década de 70, não tem licença de construção nem de utilização. Uma notícia que apanhou de surpresa o executivo camarário de Cascais, liderado por Carlos Carreiras.

  • Seca na Bacia do Sado exige restrições ao uso da água no Alentejo

    País

    A Agência Portuguesa do Ambiente aprovou hoje um conjunto de medidas para gestão dos recursos hídricos, definindo medidas específicas para a bacia hidrográfica do Sado, a única que se encontra em situação de seca. Além da diminuição de regas em hortas e jardins, a APA recomenda o encerramento das fontes decorativas, a proibição de encher piscinas e de lavagem de automóveis.