sicnot

Perfil

Mundo

Prisão perpétua para mulher que aterrorizou e agrediu a neta durante mais de um ano

AP Images

Uma norte-americana foi condenada a três sentenças de prisão perpétua, depois de aterrorizar e agredir a neta, durante mais de um ano. A avó chegou a mascarar-se de bruxa para agredir a criança, obrigou-a a dormir na rua com os cães e até usou alicates para magoar a menina de 7 anos. O crime aconteceu em 2014 em Oklahoma, nos Estados Unidos da América.

Geneva Robinson foi acusada pelos crimes de abuso infantil e negligência, por ter criado um ambiente de horror para a neta, na casa que partilhava com os restantes netos e o namorado de 33 anos.

Segundo o The Independent, o Ministério Público chegou mesmo a descrever o caso como a "casa de horrores".

A mulher de 51 anos abusou da criança durante mais de um ano, agredindo-a e queimando-a com cigarros. A avó chegou mesmo a vestir-se de bruxa para assustar a menina de 7 anos, como mostra um vídeo revelado pelo Ministério Público de Oklahoma.

As imagens podem impressionar as pessoas mais sensíveis.

Com as mãos pintadas de verde e vestida com um longo manto preto, Geneva Robinson aparece no vídeo a agarrar na criança pelo pescoço e a arrastá-la no chão. A certa altura, a "bruxa" chega mesmo a dizer que vai comer a menina.

Joshua Granger - o namorado de 33 anos - foi também condenado a 30 anos de prisão, pelo seu papel ao facilitar as agressões. No vídeo, é possível ver o homem a ajudar a avó.

Contudo, a avó não ficou por aqui. Geneva Robinson obrigou a criança a dormir na rua com os cães, chicoteou-a e "beliscou-a" com alicates. No relatório apresentado pelo Ministério Público, a criança terá confessado às autoridades que a avó colocava uma máscara e prendia-a constantemente na garagem, com uma trela de cão.

O caso foi levado a julgamento, onde a avó declarou-se culpada dos crimes de que era acusada. Três anos depois, a mulher recebeu três sentenças de prisão perpétua.

"O que ela fez foi horrível e terá para sempre um impacto nesta criança e nos seus irmãos", disse a assistente do Ministério Público, citada pelo The Independent. "Ela merece a mesma compaixão que mostrou pela criança, ou seja, nenhuma."

  • 6 polícias feridos e 4 detidos em manifestação pela morte de português em Londres
    1:29

    Mundo

    A manifestação começou ainda durante a tarde deste domingo, na capital britânica e culminou em violência, com 6 polícias feridos, 4 pessoas detidas e a evacuação de uma das principais estações de transportes da zona leste da Londres.Os manifestantes acusam a polícia britânica de agressão na noite de 15 de junho, quando um português, de 25 anos, foi mandado parar pela polícia. O jovem acabou por morrer no hospital 5 dias depois.

  • Novo avião da TAP a lembrar o passado
    1:32
  • Avião cruza-se com drone a 900 metros de altitude
    2:01

    País

    Um avião da TAP voltou a cruzar-se este domingo com um drone, enquanto se preparava para aterrar no aeroporto de Lisboa. A aproximação deu-se a 900 metros de altitude e passou muito perto da asa da aeronave. Este é o 10.º incidente com drones este ano e o 6.º este mês.

  • Os russos adoram Portugal
    2:48

    Taça das Confederações

    Os portugueses que foram à Rússia para a Taça das Confederações ficaram surpreendidos pela forma calorosa com que todos foram recebidos. Cristiano Ronaldo é o grande responsável por esta paixão pelo nosso país.

    Enviados SIC

  • Naufrágio na Colômbia registado em vídeo
    2:11

    Mundo

    Um barco de turismo naufragou na Colômbia, ontem à tarde. A bordo estavam cerca de 170 passageiros. Há pelo menos seis mortos confirmados e 28 pessoas continuam desaparecidas. O barco afundou-se ao largo de uma barragem, perante o olhar incrédulo de dezenas de pessoas.

  • O último adeus a Miguel Beleza

    País

    O velório do economista e ex-ministro das Finanças realiza-se esta segunda-feira na Igreja do Campo Grande, em Lisboa, a partir das 18h00.