sicnot

Perfil

Mundo

Mulher mais pesada do mundo já perdeu 250 quilos

Hospital Saifee

A mulher egípcia, que se acreditava pesar 500 quilos há dois meses, já conseguiu perder metade do peso. Em março, Eman Abd El Aty foi levada para a Índia, onde efetuou uma cirurgia bariátrica e, desde então, já conseguiu perder 250 quilos.

No mês passado, a mulher apareceu nas notícias, um pouco por tudo o mundo, devido à sua obesidade excessiva.

Eman Abd El Aty não conseguiu sair de casa durante 25 anos. Quando voltou a sair, foi levada para outro país, mais propriamente, para um hospital em Mumbai, na Índia, onde foi submetida a uma cirurgia de redução do estômago. Segundo a BBC, quando chegou ao hospital, a mulher não conseguia caber na cadeira de rodas, nem ficar sentada por longos períodos de tempo.

Esta semana, o hospital indiano revelou novas fotografias da mulher, depois de feita a cirurgia. Esta operação é feita em último caso a pessoas com uma obesidade excessiva.

O médico que a operou disse numa entrevista que a mulher continua a perder peso, muito rapidamente. Contudo, Muffazal Lakdawala adiantou ainda que devido a um AVC sofrido em criança, Eman Abd El Aty irá continuar paralisada de um lado do corpo e a ter convulsões.

Para além de tudo isto, a mulher tem também problemas em falar e em engolir.

A perda de peso vai permitir que os médicos a analisem, de modo a descobrir o motivo do AVC.

Hospital Saifee

Quando nasceu, Eman Abd El Aty pesava cinco quilos e foi diagnosticada com elefantíase, na qual as partes do corpo incham devido a uma infeção parasitária.

Aos 11 anos, o seu peso aumentou significantemente e a, na altura, a criança sofreu um AVC, que a deixou acamada. Desde então, Eman Abd El Aty tem estado aos cuidados da mãe e da irmã.

  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos.

  • Na linha do triunfo
    16:49
  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57