sicnot

Perfil

Mundo

Segundo atacante de Paris terá fugido

Segundo atacante de Paris terá fugido

Nuno Rogeiro esteve em direto para a SIC Notícias, onde falou sobre o tiroteio desta quinta-feira em Paris, que fez pelo menos dois mortos, um polícia e um dos atacantes. O comentador da SIC fala em dois atacantes, um abatido e o outro terá fugido. Nuno Rogeiro diz ainda que o tiroteio acontece no mesmo dia em que a França participou em duas operações, na Síria e no Iraque, que abateram dois dos principais comandantes do Daesh. Na possibilidade de ter sido um assalto, o comentador afirma que França tem alguns dos gangues "mais violentos de criminalidade organizada".

  • "Há polícia por todo o lado"
    5:11

    Mundo

    A enviada da SIC a Paris, Cândida Pinto, fala num ambiente "extremamente tenso" junto aos Campos Elísios, depois do tiroteio desta quinta-feira que fez pelo menos dois mortos. A zona está cercada por polícias e ninguém, à exceção dos meios de comunicação, pode circular na via. Três estações de metro foram encerradas.

  • "É prematuro falar em ataque terrorista"
    3:21

    Mundo

    O vereador das Relações Internacionais da Câmara de Paris Paulo Marques esteve em direto para a SIC Notícias, onde falou sobre o tiroteio deste quinta-feira em Paris, que fez pelo menos dois mortos e dois feridos, que estarão "muito provavelmente entre a vida e a morte". O vereador diz que é prematuro falar em "ataque terrorista" e coloca a hipótese de ter sido um assalto. O autarca diz ainda que o suspeito terá atirado contra um carro da polícia e depois terá sido abatido.

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Cenário mais estável no Sardoal
    0:55

    País

    O presidente da Câmara do Sardoal, Miguel Borges, disse esta manhã que a situação está mais calma. No entanto, o autarca pede que não se desmobilizem os meios porque a situação pode mudar de forma imprevisivel. Miguel Borges alertou ainda para o cansaço dos bombeiros e agentes da Proteção Civil.

  • Detida no Brasil portuguesa acusada de várias burlas nos últimos 20 anos
    3:04

    Mundo

    A Polícia do Rio de Janeiro deteve uma portuguesa acusada de várias burlas nos últimos 20 anos. Ana Resende fazia-se passar por funcionária do consulado e prometia vistos e outros documentos para tirar dinheiro das vítimas. Esta é a terceira vez que a polícia brasileira detém a portuguesa por acusações de burla.