sicnot

Perfil

Mundo

Papel a defender o Daesh encontrado junto ao atacante de Paris

Christian Hartmann

Um papel manuscrito de apoio ao Daesh foi encontrado perto do corpo do autor do tiroteio de quinta-feira nos Campos Elísios, em Paris, que resultou na morte de um polícia, indicaram os media locais.

Os investigadores estão a analisar essa prova, assim como outras encontradas no interior do veículo em que o atacante se dirigiu ao local onde cometeu o atentado, pouco depois reivindicado pelo Daesh.


Karim C., francês de 39 anos, disparou com uma espingarda de assalto contra um veículo policial, provocando a morte de um agente de 37 anos, antes de começar a fugir a pé, enquanto abria fogo contra outros agentes, dois dos quais ficaram feridos.

O atacante foi abatido pelas forças de segurança.

No interior do seu veículo foram encontradas armas, brancas e de fogo, e um exemplar do Alcorão.

As autoridades francesas afirmaram que o autor do ataque estava identificado como extremista por ter manifestado a intenção de matar polícias, segundo fontes próximas do inquérito, citadas pela AFP.

O ataque ocorreu a três dias da primeira volta das eleições presidenciais em França, em que a segurança é um dos temas em destaque, após vários ataques terroristas no país nos últimos anos.

Com Lusa

  • Negócios do fogo
    22:00
  • "Não podemos gastar o dinheiro e depois os filhos e os netos é que pagam"
    2:05

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o reembolso antecipado ao FMI. O comentador da SIC defendeu que seria mais vantajoso se Portugal reembolsasse mais depressa, antes da subida das taxas de juro. Miguel Sousa Tavares considerou ainda que o reembolso da dívida é uma boa notícia, pois seria "desleal" deixar a dívida para "os filhos e os netos" pagarem.

    Miguel Sousa Tavares

  • Os efeitos da tempestade Ana em Portugal
    1:43
  • Porque têm as tempestades nomes?
    0:49

    País

    As tempestades passaram a ter um nome, partilhado pelos serviços de meteorologia de Portugal, França e Espanha. Nuno Moreira, chefe de divisão de previsão meteorológica do IPMA, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias para explicar que este método é também uma forma de sinalizar a dimensão das tempestades.

  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59

    Mundo

    A tempestade Ana não causou apenas estragos em Portugal, mas também na Galiza, com a queda de árvores e cheias nas zonas ribeirinhas. No norte da Europa, as baixas temperaturas provocaram fortes nevões e paralisaram a Grã-Bretanha, com voos cancelados, escolas fechadas e estradas cortadas.

  • "Meninas proibidas de usar saias curtas e roupa transparente" para evitar abusos em Timor
    0:50
  • "De repente ele estava em cima de mim a beijar-me e a apalpar-me"
    2:43