sicnot

Perfil

Mundo

Estudante rastejou pelas condutas de ar para roubar um exame

China Daily China Daily Informat

Henry Lynch, um estudante de Engenharia Biológica da Universidade de Kentucky, nos Estados Unidos, foi acusado de roubo após ter rastejado através das condutas de ar condicionado para chegar à sala do professor e roubar o exame.

Segundo relata a BBC, o aluno de 21 anos entrou nas condutas de ar da universidade e percorreu um caminho até à sala do professor de Estatística, John Cain. Já dentro da sala, Henry Lynch abriu a porta a Troy Kiphuth, um estudante da mesma instituição, que o ajudou a procurar o exame.

No entanto, o tempo que Lynch passou a rastejar pelas condutas não lhe serviu de nada. Ele e o colega acabaram por ser apanhados pelo professor, quando este regressava de uma pausa para comer. John Cain ameaçou chamar a polícia caso não abrissem a porta da sala e os alunos acabaram por ceder.

Mais tarde Lynch confessou à polícia o que tinha feito e acrescentou que não chegou a encontrar o exame.

Um porta-voz da Universidade de Kentucky fez saber que "Truques e roubos desse género são muito sérios numa instituição académica".

Henry Lynch e Troy Kiphuth foram acusados por tentativa de roubo.

  • William e Kate apresentam o filho ao mundo
    1:42
  • Marcelo defende debate alargado sobre saúde
    0:57

    País

    O Presidente da República defende que um debate profundo sobre o futuro da saúde deve envolver todos os intervenientes políticos. Para Marcelo Rebelo de Sousa quanto mais partidos estiverem envolvidos na discussão, melhor.

  • Governo apresenta medidas que privilegiam arrendamento e reabilitação
    1:16

    País

    O Governo apresentou esta tarde um novo pacote de medidas para a habitação. Trata-se de uma visão que privilegia o arrendamento e a reabilitação como formas de garantir o acesso a todas as famílias a uma habitação adequada. O primeiro-ministro diz que é preciso segurança nos contratos de arrendamento e avança por isso como uma proposta de benefícios.

  • Salah Abdeslam e cúmplice condenados a 20 anos por tentativa de assassínio de cariz terrorista
    1:11

    Mundo

    O único suspeito vivo dos ataques de Paris em 2015 foi esta segunda-feira condenado a 20 anos de prisão por um tribunal belga, num processo paralelo, que remete para o momento em que foi detido em Bruxelas, em março de 2016. Salah Abdeslam e um cúmplice foram considerados culpados de tentativa de assassínio de cariz terrorista pela participação numa troca de tiros com a polícia belga da qual resultaram três agentes feridos. 

  • Beyoncé e a irmã caem no Coachella e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC