sicnot

Perfil

Mundo

Dois mil computadores afetados no Japão pelo ciberataque

O porta-voz da Hitachi, Yuko Tainiuchi, disse que o serviço de correio eletrónico funcionou de forma mais lenta, com algumas mensagens a não serem entregues e ficheiros que não puderam ser abertos.

Toru Hanai/ Reuters

O Japão juntou-se às vítimas do ciberataque que atingiu 150 países, com 2 mil computadores afetados em 600 localizações do país, incluindo as empresas Nissan e Hitachi.

A Nissan Motor confirmou que algumas das unidades foram atingidas, mas não se registou um impacto significativo no negócio.

O porta-voz da Hitachi, Yuko Tainiuchi, disse que o serviço de correio eletrónico funcionou de forma mais lenta, com algumas mensagens a não serem entregues e ficheiros que não puderam ser abertos.

A empresa disse acreditar que os problemas estão relacionados com o ciberataque, mas não recebeu qualquer pedido de 'resgate'. A companhia está agora a instalar um 'software' para resolver os problemas.

O centro de coordenação de resposta a emergências de computadores japonês, uma organização sem fins lucrativos que está a prestar apoio às vítimas dos ataques, indicou que dois mil computadores em 600 localizações no Japão foram até agora afetados.

Um ataque informático de grandes dimensões à escala internacional atingiu principalmente empresas de telecomunicações e energia mas também a banca, segundo a multinacional de serviços tecnológicos Claranet.

Em Portugal, a empresa de energia EDP cortou os acessos à Internet da rede para prevenir eventuais ataques informáticos e garantiu que não foi registado qualquer problema, já a Portugal Telecom alertou os seus clientes para o vírus perigoso ('malware') a circular na Internet, pedindo aos utilizadores que tenham cautela na navegação na rede e na abertura de anexos no 'email'.

A PT Portugal ativou "todos os planos de segurança" contra um ataque informático a nível internacional e garantiu que a rede e os serviços "não foram afetados".

A Polícia Judiciária portuguesa está a acompanhar e a tentar perceber o alcance do ciberataque que tem como alvo empresas, segundo o diretor da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime da PJ.

No Reino Unido, foram reportados importantes problemas informáticos em nospitais do serviço de saúde britânico.Em Espanha, a multinacional de telecomunicações Telefónica foi obrigada a desligar os computadores da sede em Madrid, depois de detetar um vírus informático que bloqueou alguns equipamentos.

Este tipo de vírus surge habitualmente por correio eletrónico de "origem desconhecida", com documento em anexo e que o utilizador abre, por engano.

Lusa

  • As confissões de Sérgio Conceição: do futuro no FC Porto à zanga com Rui Vitória 
    43:14
  • Parceiros sociais retomam hoje discussão sobre legislação laboral

    Economia

    Os parceiros sociais retomam esta tarde a discussão sobre as alterações à legislação laboral nas áreas do combate à precariedade, promoção da negociação coletiva e reforço da inspeção do trabalho. No encontro, marcado para as 15:00 no Conselho Económico e Social (CES), em Lisboa, o ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, deverá apresentar um novo documento com alterações face ao que foi proposto aos parceiros sociais há dois meses.

  • Marcelo descobre que vê mal "ao longe à esquerda"
    2:05

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa recebeu uma declaração dos médicos contra a despenalização da eutanásia. A audiência ao atual bastonário e cinco antecessores acontece a uma semana do tema ir a debate no Parlamento, e no dia em que o Presidente da República foi a estrela do Dia da Segurança Infantil. Marcelo aproveitou para fazer um rastreio à visão e concluiu que tem que estar "atento", à esquerda, ao longe".

  • Sabia que pode emprestar dinheiro a empresas e ganhar 7% em juros por ano?
    8:05
  • É desta que provam a existência do monstro de Loch Ness?

    Mundo

    Para muitos, o monstro de Loch Ness não passa de uma lenda. A verdade é que a existência ou não desta criatura mística continua a suscitar debates entre aqueles que acreditam e os cépticos. Uma equipa internacional de investigadores quer responder finalmente à questão através da recolha de ADN ambiental do Loch Ness, na Escócia.

    SIC

  • Ministro volta a não se comprometer com aumento dos salários
    2:51

    Economia

    O ministro das Finanças diz que a falta de enfermeiros no Hospital de Santa Maria é meramente transitória. Durante a audição no parlamento, o ministro também foi pressionado, à esquerda e à direita, para aumentar os salários na Função Pública, mas voltou a não se comprometer.