sicnot

Perfil

Mundo

Bronze de Brancusi vendido por valor recorde

Uma peça de bronze da autoria de Constantin Brancusi foi vendida em Nova Iorque, nos EUA, pelo valor recorde de 57,3 milhões de dólares (cerca de 52 milhões de euros). Pablo Picasso também marcou a noite ao vender cinco obras

"A Musa Adormecida" do artista romeno Constantion Brancusi foi vendida na segunda-feira pela empresa de arte Christie's pelo valor de 57,3 milhões de dólares (cerca de 52 milhões de euros) num leilão de arte moderna e impressionista, em Nova Iorque, nos EUA.

Pablo Picasso dominou a noite de segunda-feira ao vender cinco obras, com o quadro mais valioso vendido por 45 milhões de dólares (cerca de 51 milhões de euros), o retrato da amante de Picasso, Dora Maar, intitulado de "Femme Assise, Robe Bleue" (Mulher sentada, Vestido azul).

A escultura do romeno Constantion Brancusi feita em bronze integra uma coleção de peças envernizadas em bronze, que se encontra no Museu Hirshhorn, em Washington, nos EUA.

A empresa de arte Christie's estimava arrecadar entre 25 e 35 milhões de dólares (23 e 32 milhões de euros, respetivamente) com a obra, mas a venda superou todas as expetativas ao ficar 64% acima do previsto.

A leiloeira não revelou o comprador da venda recordista.

  • PS vai continuar a procurar entendimentos à esquerda
    1:38
  • 22 mortos devido a gripe H1N1 no Equador

    Mundo

    Uma epidemia de gripe H1N1 provocou a morte de 22 pessoas no Equador, onde estão diagnosticados perto de 500 casos, anunciou esta segunda-feira o vice-ministro da Saúde, Carlos Duran.

  • Papa pede perdão a vítimas de abusos por ter usado expressão "menos feliz"
    1:21

    Mundo

    No final da visita à América Latina, já no avião de regresso a Roma, o Papa Francisco pediu desculpa às vítimas de abusos sexuais no Chile. O líder da Igreja católica considerou que utilzou uma expressão menos "feliz" quando saiu em defesa do bispo Juan Barros, exigindo "provas" a quem o acusa de não ter agido.

  • Os três pontos de Ronaldo
    1:16
  • Decifrado pergaminho encontrado há 50 anos

    Mundo

    Investigadores israelitas reconstituíram e decifraram um dos dois manuscritos de pergaminhos do Mar Morto que nunca tinham sido interpretados desde que foram descobertos há meio século, anunciou a universidade israelita de Haifa.

  • Refeição de 1.100 euros em Veneza

    Mundo

    O centro de Veneza oferece os mais variados restaurantes. Com menu obrigatório, sem menu, com taxas, sem taxas, sentando ou em pé. Depois há aqueles restaurantes que cobram 1.100 euros por cinco pratos acompanhados por água. O caso aconteceu com quatro turistas japoneses, que depois de pagarem a conta, apresentaram queixa às autoridades. O presidente da Câmara da cidade italiana já disse que ia investigar a situação e, caso se confirmasse, prometeu que iria castigar os responsáveis.

    SIC