sicnot

Perfil

Mundo

Morreu um dos primeiros astronautas soviéticos

Da esquerda para a direira: Thomas Stafford, Yelena a filha de Yuri Gagarin, Alexei Leonov e Viktor Gorbatko

Alexander Zemlianichenko

Um dos primeiros astronautas soviéticos, Viktor Gorbatko, camarada de treino de Iuri Gagarin, morreu aos 92 anos, anunciou hoje a agência espacial russa, Roskosmos.

Nascido em 1934 no sul da Rússia, Viktor Gorbatko entrou aos 19 anos para a escola de aviação militar russa com o objetivo de se tornar piloto, a sua paixão.

Em 1960, foi selecionado entre mais de 3 mil candidatos para se treinar secretamente com vista à primeira missão espacial tripulada da história.

"Fui convocado pelo meu comandante, que começou por me fazer assinar uma carta onde eu me comprometi a não revelar o conteúdo da conversa que viria a ter", revelou Gorbatko à agência France Presse numa entrevista concedida em 2001.

"Depois perguntaram-me se queria voar mais alto do que um avião. Percebi logo do que estavam a falar e aceitei imediatamente", acrescentou.

Entre os camaradas de treino de Gorbatko, encontrava-se Iuri Gagarin, que viria a realizar o primeiro voo no espaço em 12 de abril de 1961, a bordo da nave Vostok-1.

Viktor Gorbatko efetuou três voos espaciais, em 1969, 1977 e 1980, e alcançou o posto de general. Foi condecorado por duas vezes com o título de "Herói da União Soviética", em resultado dos seus voos a bordo das naves espaciais Soyuz.

Viktor Gorbatko será enterrado esta sexta-feira no cemitério federal militar de Mytischi, a norte de Moscovo, de acordo com a Roskosmos.

Lusa

  • Pescador desaparecido no rio Minho, em Alvaredo, Melgaço

    País

    O pescador desapareceu na noite deste sábado no rio Minho, em Alvaredo, no concelho de Melgaço, distrito de Viana do Castelo. Segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil estão envolvidos nas buscas 15 operacionais e quatro viaturas.

  • Portugal vai testar capacidade de resposta a ciberataque
    0:22

    País

    O exercício está marcado para os dias 09 e 10 de maio e é o primeiro a nível nacional a testar um ciberataque em Portugal. O teste é organizado pelo Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) para apurar "o "grau de preparação" das várias entidades públicas e privadas, mas já conclusões a ter em conta. Segundo o coordenador do CNCS, Pedro Veiga confirma-se tendência para os ataques serem cada vez mais sofisticados e é preciso alertar a população para o que publicam na internet e se pode colocar em risco a privacidade e a segurança.

  • Mont-Saint-Michel evacuado "por precaução"

    Mundo

    O monumento do Monte Saint-Michel, no oeste de França, foi evacuado hoje de manhã "por precaução", tendo sido retirados os turistas e habitantes devido à presença de um suspeito que ameaçou as forças da ordem, anunciou a polícia francesa.

  • As suspeitas que recaem sobre Ricardo Salgado e Manuel Pinho
    2:00