sicnot

Perfil

Mundo

Divulgadas as gravações que podem comprometer Michel Temer

Vídeo

Ueslei Marcelino

O Supremo Tribunal Federal brasileiro divulgou as conversas entre Michel Temer e o empresário Joesley Batista. Ouça neste artigo as gravações que podem comprometer o Presidente do Brasil.

O Supremo Tribunal levantou o sigilo da delação premiada da JBS e revelou esta quinta-feira à noite uma gravação da conversa, na qual o Presidente brasileiro terá dado o aval ao pagamento de subornos ao ex-deputado Eduardo Cunha.

O áudio supostamente gravado a 7 de maio já está a ser divulgado pelos órgãos de comunicação e foi também divulgado no YouTube.

  • "Não comprei o silêncio de ninguém"
    0:50

    Mundo

    Numa declaração ao país, esta quinta-feira, Michel Temer deixou claro que não vai renunciar ao cargo. O Presidente brasileiro realçou ainda que não comprou o silêncio de ninguém e diz nada ter a esconder.

  • Temer terá fornecido informação privilegiada a empresa brasileira
    2:19

    Mundo

    A contestação a Michel Temer está a crescer, depois da revelação de que o Presidente brasileiro aceitou subornos ao líder do Parlamento, atualmente detido. Temer terá ainda fornecido informação privilegiada a uma das maiores empresas brasileiras, a J&S. No congresso brasileiro, são os deputados do PT que encabeçam já a contestação a Temer. Nas ruas brasileiras, milhares de pessoas exigiram a demissão ou destituição do atual Presidente.

  • Aécio Neves apanhado nas gravações que comprometeram Temer
    1:35

    Mundo

    A gravação feita pelos irmãos da J&S apanharam não só Michel Temer, mas também o ex-candidato a Presidente e atual senador, Aécio Neves, que terá recebido 530 mil reais. Em troca, o senador ofereceu um cargo de direção na Vale, uma grande empresa de minério. A polícia chegou a filmar uma das entregas de malas com o dinheiro ao primo de Aécia, que está atualmente detido.

  • Fernando Henrique Cardoso pede a Temer que se demita

    Mundo

    O ex-Presidente brasileiro Fernando Henrique Cardoso reagiu esta quinta-feira ao escândalo de corrupção que envolve o atual Presidente, Michel Temer, defendendo que este respeite a Constituição e se demita, numa mensagem publicada na rede social Facebook, mas sem nunca o nomear. "A solução para a grave crise atual deve dar-se no absoluto respeito à Constituição", escreveu FHC.

  • Direção da Raríssimas na Madeira demitiu-se em setembro
    1:58

    País

    Três representantes da Raríssimas na ilha da Madeira demitiram-se, em setembro, de costas voltas para a direção. A delegação da instituição na ilha começou em 2015 e fechou com as três demissões. Em entrevista à SIC, uma das antigas delegadas afirmou que todos os fundos angariados foram para a sede, em Lisboa, ficando depois sem dinheiro para pagas as despesas.

  • Deputado do PSD recusa vice-presidência da Raríssimas
    1:58

    País

    Nas reações políticas ao caso da Raríssimas, o PSD e CDS dizem que é preciso acionar todos os mecanismos legais apropriados para averiguar a situação. O deputado social-democrata, Ricardo Baptista Leite, que tinha sido convidado recentemente para vice-presidente da instituição, diz que já não há condições para tomar posse.

  • Presidente da Câmara de Nova Iorque confirma "atentado terrorista falhado"
    0:29
  • Israel volta a bombardear posições do Hamas em Gaza

    Mundo

    O exército israelita voltou a bombardear esta segunda-feira posições do movimento Hamas na Faixa de Gaza em resposta ao lançamento de projéteis em direção a Israel pelas milícias palestinianas, informou um comunicado militar.

  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.