sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte celebra lançamento de último míssil com desfile em Pyongyang

Damir Sagolj/ Reuters

A Coreia do Norte celebrou o último lançamento de mísseis com um desfile nas ruas de Pyongyang para os cientistas e técnicos responsáveis pelo teste de armamento, informou hoje a agência estatal KCNA.

Milhares de cidadãos aplaudiram na quinta-feira, na capital norte-coreana, os responsáveis pelo lançamento do "Hwasong 12", o míssil de médio alcance que Pyongyang disparou no domingo, de acordo com o texto e fotografias publicadas pela KCNA.


"As ruas da nossa capital, Pyongyang, encheram-se com uma atmosfera festiva para dar as boas-vindas aos cientistas da defesa nacional", afirmou.


Adultos, estudantes e crianças saudaram a passagem dos autocarros que transportaram os cientistas à colina de Mansudae, onde depositaram flores junto às estátuas dos ex-líderes Kim Il-sung e Kim Jong-il, antes de serem recebidos pelo vice-presidente do comité central do Partido dos Trabalhadores, Ri Man-gon.


A Coreia do Norte lançou no passado domingo o "Hwasong-12", o projétil do programa de armamento que exibiu revelou melhor rendimento até à data.


O míssil percorreu quase 800 quilómetros e podia ter superado os 4.000 se tivesse sido lançado com um ângulo mais perpendicular, disseram especialistas.


Os dados mostraram os avanços de Pyongyang no desenvolvimento de um míssil nuclear intercontinental que possa alcançar território norte-americano e servir de elemento dissuasor.


Este lançamento é o último de uma longa lista de testes de armamento que o regime do Kim Jong-un tem vindo a realizar e que geraram tensão na península coreana e um agravamento do tom de Washington desde a chegada de Donald Trump à Casa Branca.

Lusa

  • "Vi o Bas Doost a jorrar sangue para o chão (...) revoltei-me!"
    3:28
  • "Esta semana parecia um filme de terror"
    2:24

    Desporto

    O treinador do Sporting falou pela primeira vez à imprensa desde as agressões de que foi alvo em Alcochete. Jorge Jesus disse que a última semana "parecia um filme de terror" e deixou um agradecimento especial aos adeptos e à "capacidade emocional" dos jogadores.

  • Já se pode pescar sardinha mas há limitações

    País

    A proibição da pesca da sardinha termina hoje, podendo, até 31 de julho, os pescadores capturar 4.855 toneladas, com limites diários, medidas de proteção dos juvenis e monitorização da pescaria, disse à Lusa o Ministério do Mar.

  • Nicolas Maduro vence presidenciais na Venezuela

    Mundo

    O chefe de Estado venezuelano, Nicolas Maduro, foi declarado vencedor das eleições presidenciais de domingo pela autoridade eleitoral, com perto de 70% dos votos, depois de contados quase todos os boletins.

  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29