sicnot

Perfil

Mundo

Ministro da Cultura é o segundo a pedir a demissão após escândalo que envolve Temer

O ministro da Cultura do Brasil, Roberto Freire, com o Presidente Michel Temer durante uma cerimónia no Palácio do Planalto em Brasília.

Ueslei Marcelino

O ministro da Cultura do Brasil, Roberto Freire, apresentou na quinta-feira a sua demissão devido ao escândalo de corrupção que implica o Presidente Michel Temer e que levou oposição e apoiantes do Governo a exigirem a sua renúncia. Freire apresentou a sua demissão horas depois de o ministro das Cidades, Bruno Araújo, abandonar o Governo em reação às acusações feitas ao Presidente.

Numa carta dirigida a Temer, Freire assegurou que "tendo em vista os últimos acontecimentos e a instabilidade política gerada pelos fatos que envolvem diretamente a Presidência da República", decidiu, com "caráter irrevogável, renunciar ao cargo de ministro de Estado da Cultura".

Segundo o texto, Freire voltará a ocupar o seu mandato na câmara dos deputados "para ajudar o país a buscar um mínimo de estabilidade política que nos permita avançar em reformas fundamentais para o desenvolvimento da economia, geração de emprego e renda e garantia dos direitos fundamentais para toda a população".

Presidente do Partido Popular Socialista (PPS), Freire foi anunciado em meados de novembro como novo ministro da Cultura, em substituição de Marcelo Calero, que deixou o lugar depois de notícias de que recebeu pressões para aprovar um plano urbanístico.

O PPS é um dos partidos que forma a base do Governo brasileiro e conta também com o ministro da Defesa, Raul Jungmann, ainda no cargo, além de nove deputados federais e um senador.

Bruno Araújo, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), um dos maiores aliados do Governo, anunciou também a sua saída do Executivo.O Presidente Michel Temer foi gravado por empresários da JBS, grande produtora de carnes do Brasil, a concordar com um alegado pagamento de subornos ao ex-deputado Eduardo Cunha, condenado por envolvimento nos esquemas de corrupção na Petrobras.

Temer fez na quarta-feira uma comunicação ao país a dizer que não pensa renunciar ao cargo de Presidente, que ocupa desde a destituição da sua antecessora, Dilma Roussef.

Lusa

  • Divulgada gravação na qual Temer autoriza pagamento de subornos
    1:07

    Mundo

    O Supremo Tribunal Federal brasileiro divulgou as conversas entre Michel Temer e o empresário Joesley Batista, na qual o Presidente brasileiro autoriza o pagamento de subornos ao ex-deputado Eduardo Cunha. O áudio terá sido gravado a 7 de maio e foi divulgado pelos órgãos de comunicação social horas depois de o escândalo ter sido conhecido.

  • "Não comprei o silêncio de ninguém"
    0:50

    Mundo

    Numa declaração ao país, esta quinta-feira, Michel Temer deixou claro que não vai renunciar ao cargo. O Presidente brasileiro realçou ainda que não comprou o silêncio de ninguém e diz nada ter a esconder.

  • Crise política no Brasil em análise
    13:56

    Opinião

    A jornalista do Expresso Christiana Martins e o investigador da CIC Digital na Universidade de Lisboa Jair Rattner foram os convidados da Edição da Noite da SIC Notícias para falar da decisão de Michel Temer em não renunciar ao cargo de Presidente do Brasil.

  • Presidente do Sporting vai processar um dos sócios do clube
    0:42

    Desporto

    Bruno de Carvalho anunciou esta sexta-feira que vai processar o sócio José Pedro Rodrigues. O presidente do Sporting acusa o sócio de ter posto a circular um documento falso que revelava que Bruno de Carvalho estaria a ser investigado por causa das transferências de Bruno César e Alan Ruiz. O caso fez Bruno de Carvalho tomar uma decisão sobre o futuro.

  • Bruno de Carvalho contra almoço de Dias da Cunha e Menezes Rodrigues com Luís Filipe Vieira
    1:17

    Desporto

    Bruno de Carvalho insurgiu-se, esta sexta-feira, contra Dias da Cunha e Menezes Rodrigues por terem estado, em Setúbal, num almoço com Luís Filipe Vieira. Durante o discurso na Assembleia-geral do clube, o presidente dos leões considerou lamentável a atitude dos dois sportinguistas numa altura em que o Benfica é acusado pelos rivais de poder estar envolvido num alegado esquema de corrupção e tráfico de influências.

  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Atirador canadiano mata combatente do Daesh a 3,5km de distância

    Mundo

    Um atirador das Forças Especiais do Canadá matou um combatente do Daesh com um tiro disparado a 3,5 quilómetros de distância, no passado mês de maio, no Iraque. O Comando de Operações Especiais canadiano garantiu à BBC que a distância do disparo, realizado com sucesso, é já considerada um recorde na história militar.

  • Revelada a verdadeira identidade de Banksy?

    Cultura

    O músico e produtor Goldie pode ter revelado a identidade do artista mais conhecido por Banksy, durante uma entrevista ao podcast do rapper Scroobius Pip. Goldie referiu Robert Del Naja de forma acidental e os fãs acreditam que a identidade do artista britânico foi finalmente desvendada.

  • "Mãe, por favor, para de dizer asneiras. Não quero que leves um tiro"
    0:51

    Mundo

    O Departamento de Investigação da Polícia do Minnesota divulgou esta sexta-feira um vídeo com imagens de um incidente que levou à morte de um afro-americano pela polícia, nos Estados Unidos da América. Em julho de 2016 um polícia atingiu mortalmente Philando Castile, de 32 anos, durante uma operação de controlo rodoviário. O homem procurava os documentos de identificação quando o polícia disparou quatro tiros. Nas imagens é possível ver o desespero da filha da companheira de Philiando Castile, minutos depois de ter visto o padrasto a morrer. O agente responsável pela morte de Castile foi absolvido pelo Tribunal na semana passada.

  • Depois da "provocação", o acidente em cadeia
    0:43

    Mundo

    Um vídeo de um acidente numa autoestrada em Santa Clarita, na Califórnia (EUA), está a tornar-se viral nas redes sociais. Nas imagens é possível ver um motociclista a dar um pontapé num carro que seguia à sua frente. Como forma de "retribuição", o carro vira na direção da mota mas bate no separador e depois numa carrinha que acabou por capotar. Segundo a imprensa norte-americana o condutor da carrinha foi levado para o hospital com ferimentos ligeiros. Já a pessoa que conduzia a mota seguiu o seu caminho. 

  • Johnny Depp pede desculpa por piada a sugerir assassínio de Trump

    Mundo

    Johnny Depp pediu esta sexta-feira desculpa por ter feito uma piada sobre assassinar Donald Trump, durante a sua atuação no Festival de Glastonbury, em Inglaterra. "Quando foi a última vez que um ator assassinou um Presidente?", foi assim que o ator e músico falou para a multidão que o estava a ver. Contudo, as declarações não foram bem recebidas pela Casa Branca, que emitiu um comunicado a condenar as palavras.