sicnot

Perfil

Mundo

"Fiquei confuso quando o Presidente me despediu por causa da Rússia"

"Fiquei confuso quando o Presidente me despediu por causa da Rússia"

O ex-director do FBI diz que ficou surpreendido pela forma e pelos argumentos com que foi demitido pelo Presidente Donald Trump. James Comey garantiu, na audição pública no Senado, que o FBI é e será sempre um organismo independente.

  • "Acreditem em mim, não há conluio"
    0:34

    Mundo

    Donald Trump diz que despediu o ex-diretor do FBI James Comey por este ser impopular. O Presidente dos Estados Unidos da América negou ainda as acusações de ter tentado pressionar a agência a abandonar a investigação a Michael Flynn. Numa conferência de imprensa, esta quinta-feira, reafirmou que tudo não passa de uma caça às bruxas.

  • Trump contradiz Casa Branca sobre demissão de Comey
    2:07

    Mundo

    A demissão do director do FBI levou alguns analistas a ponderar a hipótese de um processo de "impeachment" ao Presidente norte-americano. Donald Trump denunciou-se numa entrevista televisiva à NBC, quando afirmou que a decisão de demitir James Comey era dele e insistiu que a investigação à interferência russa nas eleições é uma invenção dos democratas.

  • "Comey não estava a fazer um bom trabalho"
    0:11

    Mundo

    Donald Trump já se pronunciou sobre a decisão tomada na terça-feira à noite de despedir o diretor do FBI, James Comey. Na Sala Oval, durante a reunião com o ex-secretário de Estado Henry Kissinger, o presidente dos EUA disse que James Comey não estava a fazer um bom trabalho.

  • Os momentos que marcaram o 7.º dia de Mundial
    1:08
  • "Ronaldos nascem na Rússia como cogumelos"
    1:49
  • Os momentos descontraídos dos jogadores
    1:54
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O humor russo
    1:32
  • Schulz responde a Trump: "é um especialista em estatísticas criminais"

    Mundo

    "Donald Trump é um especialista em estatísticas criminais: pagamentos a estrelas porno, contactos ilegais com russos e diretores de campanha presos". Foi assim que o deputado alemão Martin Schulz respondeu ao Presidente norte-americano, depois de este ter afirmado várias vezes que a criminalidade na Alemanha aumentou devido à imigração.

    SIC

  • "Vou pedir a alguém que dê esta notícia por mim". Jornalista emociona-se com o caso dos bebés mexicanos separados das famílias
    0:49