sicnot

Perfil

Mundo

Qatar recusa interferências na sua política externa

O Qatar recusa qualquer interferência estrangeira na sua política externa, afirmou esta quinta-feira o chefe da diplomacia de Doha numa entrevista à agência France-Presse a propósito da crise diplomática que opõe o país à Arábia Saudita e seus aliados.

"Ninguém tem o direito de intervir na nossa política externa", afirmou o xeque Mohammed Bin Abderrahman Al-Thani.

O ministro recusou por outro lado que a atual crise possa degenerar numa qualquer ação militar, que "não é opção", e desvalorizou as medidas de impacto económico, assegurando que o Qatar pode suportar a situação "eternamente".

A crise foi desencadeada na segunda-feira com o anúncio pela Arábia Saudita, seguida dos Emirados Árabes Unidos, Bahrein e Egito, do corte de relações com o Qatar, acusando o país vizinho de "apoiar o terrorismo" e de manter relações próximas com o Irão.

O corte de relações foi complementado com o encerramento de fronteiras e fortes restrições ao tráfego aéreo.

Lusa

  • Luaty Beirão satisfeito com sinais de mudança de paradigma em Angola
    4:03

    Mundo

    Sete meses depois da tomada de posse de João Lourenço como presidente de Angola, o país vive um tempo de revoluções. Mudanças inéditas que, nas palavras do ativista Luaty Beirão, permitem ter esperança num futuro melhor. O músico esteve em Lagos, a convite da Câmara Municipal, para falar sobre Livros e Liberdade.

  • O portal onde pode consultar certidões e outros documentos sem sair de casa
    7:37
  • Presidente da Comunidade de Madrid demite-se depois da divulgação de vídeo de roubo
    1:27