sicnot

Perfil

Mundo

Merkel diz ser vital punir responsáveis por desaparecimentos no México

Henry Romero

A chanceler alemã, Angela Merkel, considerou na sexta-feira de "importância vital" punir os responsáveis pelos desaparecimentos no México e que haja liberdade de imprensa e proteção para os jornalistas, duas áreas em que se comprometeu ajudar.

Numa conferência de imprensa conjunta com o Presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, realizada no Palácio Nacional, Merkel destacou a necessidade de se "encontrar e castigar os culpados" pelos milhares de desaparecimentos no México.

Por isso, a Alemanha coopera com a procuradoria-geral da República e associações de vítimas, sublinhou, no início de uma visita oficial ao México, a segunda desde 2008.Merkel também destacou a importância da liberdade de imprensa e de garantir a proteção dos jornalistas, saudando os esforços do México e prometendo ajudar nessa matéria.

Desde o início do ano foram assassinados pelo menos sete jornalistas no México, um dos países mais perigosos do mundo para o exercício da profissão, havendo um outro, Salvador Adame, que foi dado como desaparecido em meados do mês passado no estado de Michoacán.Segundo dados oficiais, há atualmente no México mais de 30 mil pessoas que se encontram em paradeiro desconhecido.

Lusa

  • Turistas chegam a esperar 2 horas no controlo de passaporte do Aeroporto de Lisboa
    2:35

    País

    Chegar ao Aeroporto de Lisboa pode ser uma dor de cabeça para centenas de passageiros. A espera para o controlo de passaporte chegou a ultrapassar as duas horas nos meses de fevereiro e março. Manuela Niza, do Sindicato dos Funcionários do Serviços de Estrangeiros e Fronteiras, diz que têm sido contratados inspetores que depois são desviados para outros serviços.

  • Hasta pública de madeira ardida rendeu 2,85 milhões de euros

    País

    Mais de meia centena de lotes de madeira ardida proveniente de matas nacionais e perímetros florestais geridos pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) foram esta quinta-feira vendidos por 2,85 milhões de euros, numa hasta pública em Viseu.

  • "Dinheiro gasto em contentores dava para construir outro hospital" no Porto
    1:40

    País

    A bastonária dos Enfermeiros pede uma investigação aos contratos de contentores no Hospital de São João, no Porto. Ana Rita Cavaco diz que os "milhares de euros" já gastos na contratação e manutenção dos contentores da Pediatria e outros serviços do centro Hospitalar de São João davam para construir um novo hospital. E levanta ainda a suspeita sobre a empresa contratada.