sicnot

Perfil

Mundo

Bebé apanhado depois de lançado do prédio em chamas

ANDY RAIN / EPA

Um bebé foi lançado do prédio que ardeu em Londres e apanhado por um homem que passava, relatou uma testemunha à Associated Press (AP).

Samira Lamrani diz que viu uma mulher a gesticular de uma das janelas do prédio em chamas para a multidão em baixo a dizer que ia atirar o seu bebé "do 9º ou 10ºandar".

Um homem correu e conseguiu apanhar, contou a testemunha.

Samira Lamrani disse que, na altura, muitas pessoas apareceram às janelas "batendo freneticamente e gritando".

"As janelas estavam ligeiramente entreabertas - uma mulher gesticulava (e dizia) que iria atirar o seu bebé e se alguém o apanhava. E alguém o fez, um senhor correu em frente e conseguiu apanhar o bebé", relatou à AP.

O fogo no prédio de 20 andares em north Kensington que deflagrou durante a madrugada matou pelo menos seis pessoas, cerca de 70 estão feridas, várias em estado grave, pelo que o número de mortos poderá aumentar.

  • Depois do Fogo
    0:25

    Reportagem Especial

    Uma semana depois do incêndio de Pedrogão Grande são muitas as histórias de perda e de sobrevivência, mas também de solidariedade de pessoas anónimas, que não dormiram durante dias a fio, para apoiar na logística do difícil combate ao incêndio florestal mais mortífero de que há memória. Depois do Fogo, hoje no Jornal da Noite.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.