sicnot

Perfil

Mundo

Marcelo expressa solidariedade para com famílias atingidas por incêndio em Londres

JOS\303\211 COELHO

O Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa expressou esta quarta-feira solidariedade para com as famílias atingidas por um incêndio num prédio em Londres, manifestando "especial cuidado com as duas crianças portuguesas feridas".

Numa nota divulgada na página da Presidência da República na Internet, o chefe de Estado expressa "a sua solidariedade para com todas as famílias atingidas pelo trágico incêndio que atingiu uma torre residencial no centro da capital inglesa", esta quarta-feira de madrugada, causando pelo menos seis mortos e 74 feridos.

Marcelo Rebelo de Sousa apresenta "as suas sentidas condolências" às autoridades britânicas e às famílias das vítimas, e manifesta "o desejo de rápida recuperação dos feridos", referindo-se particular às três famílias portuguesas que residiam naquele prédio, e às duas crianças internadas.

O Presidente da República manifesta "o seu especial cuidado com as duas crianças portuguesas feridas no incidente, bem como com as famílias portuguesas atingidas", e "a elas em especial expressa a sua solidariedade neste momento difícil".

Lusa

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.