sicnot

Perfil

Mundo

Número de mortos no incêndio em Londres sobe para 12

Toby Melville

O último balanço do incêndio que destruiu um prédio de habitação de 24 andares, em Londres, aponta para 12 mortos e mais de 70 pessoas feridas.

Mais de 200 bombeiros participam nas operações de rescaldo que se vão estender por mais 24 horas, no local do incêndio que deflagrou esta madrugada em Londres.

Entre os moradores afetados estão quatro famílias portuguesas, sendo que uma delas se encontra hospitalizada com prognóstico reservado.

De acordo com os moradores do prédio, as questões de segurança no edificio de 24 andares foram sempre uma preocupação.

Quase todos os moradores assinaram uma petição sobre segurança contra incêndios que abordava vários tópicos, como a localização das caldeiras, dos extintores ou a sinalização luminosa nas saídas de emergência.

Um antigo responsável da associação de moradores diz que o documento foi assinado por 90% dos moradores e posteriormente entregue à administração do condomínio, mas que nada foi feito.

Varios moradores dizem que receberam instruções para permanecer em casa durante o incêndio que deflagou esta madrugada e que os alarmes de incêndio do prédio não dispararam.

As autoridades dizem que as causas do fogo são ainda desconhecidas.

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19