sicnot

Perfil

Mundo

Advogado nega que Trump esteja a ser investigado por obstrução à justiça

Joe Skipper

Um dos advogados do Presidente dos Estados Unidos negou que o chefe de Estado esteja a ser investigado por obstrução à justiça, apesar das mensagens do próprio Donald Trump, que aparentemente reconheciam a existência do processo.

"O Presidente (Donald Trump) não está sob investigação da Procuradoria. Ponto final", disse Jay Sekulow, um dos advogados do Presidente dos Estados Unidos, em entrevista ao programa Meet the Press.

"Não está, nem esteve sob investigação por obstrução", sublinhou o advogado ao referir-se às notícias que indicavam que o procurador Robert Mueller estava a investigar Donald Trump.

O jornal Washington Post que citava funcionários judiciais que pediram o anonimato referia, na quinta-feira, que Mueller estava a investigar a suposta interferência da Rússia nas eleições presidenciais dos Estados Unidos e os contactos entre Moscovo e Donald Trump.

A notícia indicava que o chefe de Estado estava a ser investigado num caso de obstrução à justiça.

Após a publicação da notícia do Washington Post, o chefe de Estado difundiu através da rede social Twitter uma mensagem em que aparentemente reconhecia que estava a ser investigado. "Estou a ser investigado por ter despedido o diretor do FBI, pelo homem que me disse para afastar o diretor do FBI! 'Caça às bruxas'", escrevia Donald Trump.



O advogado, Jay Sekulow, vem agora frisar que Trump estava a referir-se à "história falsa" do Washington Post, acrescentando que a mensagem divulgada, através do Twitter, não significava o reconhecimento de que o Presidente era o alvo da investigação.

Mueller foi nomeado para o cargo de procurador especial após o afastamento do diretor do FBI, James Comey, que conduzia a investigação sobre a eventual rede russa que supostamente influenciou o resultado das eleições presidenciais norte-americanas de 2016.

Lusa

  • Proteção Civil passa a ter Secretaria de Estado
    1:13

    País

    O Governo criou uma nova Secretaria de Estado da Proteção Civil, que vai ser liderada por José Artur Tavares Neves. Esta é a principal novidade da remodelação governamental que envolve quatro Secretários de Estado, dois deles foram reconduzidos nos cargos.

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC