sicnot

Perfil

Mundo

Recuperada caixa negra de avião militar birmanês que se despenhou no mar

Equipas de resgate birmanesas recuperaram a caixa negra do avião militar que se despenhou há 12 dias, no mar de Andamão, com mais de uma centena de pessoas a bordo, noticiou hoje a imprensa estatal.

Os dispositivos de gravação de dados de voo e de voz do 'cockpit' foram encontrados na cauda da aeronave, segundo o diário Global New Light of Myanmar.

O fragmento do avião foi retirado da água no domingo, com a ajuda de bolsas de ar, após ter sido localizado na passada quinta-feira, a aproximadamente 35 metros de profundidade, onde ficou preso nas redes de um pesqueiro.

A bordo do avião seguiam 90 passageiros, entre militares e familiares dos soldados, e 14 tripulantes. As autoridades resgataram, até ao momento, 92 corpos.

O aparelho, um Y-8F-200 de fabrico chinês, descolou no dia 07 de junho da cidade de Myeik com destino a Rangum e desapareceu do radar depois de sobrevoar a cidade de Dawei, a cerca de cem quilómetros do aeroporto de partida.

As operações de busca pelos desaparecidos prosseguem, mas têm sido dificultadas pelas intensas chuvas e forte ondulação na zona, provocadas pelas monções.

Lusa

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.