sicnot

Perfil

Mundo

Primeira-dama polaca deixa Donald Trump "pendurado"

Melania Trump, Donald Trump, Andrzej Duda e Agata Kornhauser-Duda

Kacper Pempel

Donald Trump chegou na quarta-feira a Varsóvia, para uma visita de Estado à Polónia. Esta quinta-feira, durante o encontro com o chefe de Estado polaco, Andrzej Duda, e a esposa, Agata Kornhauser-Duda, o Presidente norte-americano viveu um momento algo embaraçoso. Depois da reunião com Andrzej Duda, Trump discursou para uma multidão e falou sobre a relação entre os dois países. Na hora da despedida, Agata Kornhauser-Duda preferiu cumprimentar Melania Trump e dar uma "tampa"... a Trump. O momento não passou despercebido e tornou-se rapidamente viral nas redes sociais.

De Varsóvia Donald Trump segue para a Alemanha e para a cimeira do G20, que decorre este fim-de-semana em Hamburgo.

  • Donald Trump de volta à Europa
    1:01

    Mundo

    A segunda visita oficial do Presidente dos EUA à Europa começou na Polónia, onde Donald Trump tinha à espera uma mensagem dos ambientalistas da Greenpeace. De Varsóvia Donald Trump segue para a Alemanha e para a cimeira do G20, que decorre este fim-de-semana em Hamburgo.

  • Trump inicia visita de Estado à Polónia

    Mundo

    Donald Trump chegou esta quarta-feira a Varsóvia para uma visita de Estado à Polónia, um país governado pela extrema-direita que se tem congratulado com a receção ao Presidente norte-americano.

  • Governo prepara projeto para suavizar transição para a reforma
    1:38

    Economia

    O Governo quer suavizar a transição do trabalho para a reforma. A ideia é que essa passagem seja feita gradualmente e não de um dia para o outro, o que pode ser mais traumático. O projeto prevê a possilidade de o trabalhador cumprir meio horário e acumular com meia pensão.

  • Primeiro discurso de Costa na ONU alinhado com o de Guterres

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, proferirá hoje o seu primeiro discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas, devendo estar muito alinhado com a agenda política apresentada na terça-feira pelo secretário-geral da ONU, António Guterres, valorizando o multilateralismo.