sicnot

Perfil

Mundo

Forças contraterroristas iraquianas libertam mulheres e crianças de Mossul

Alaa Al-Marjani

As forças de elite do serviço de contraterrosimo do Iraque libertaram este sábado um grupo de mulheres e crianças presas na cidade de Mossul.

De acordo com as autoridades, dezenas de militantes do Daesh foram abatidos.

As forças iraquianas acreditam estar cada vez mais próximas da libertação total de Mossul. Dois jornalistas foram mortos ontem pelos extremistas, numa aldeia a sul da cidade.

Durante os últimos meses, nos intensos confrontos, mais de 900 mil pessoas foram deslocadas e várias centenas perderam a vida.

  • Bombardeamentos aéreos em Mossul intensificam-se
    1:22

    Mundo

    A operação de reconquista de Mossul continua. Nos últimos dias, os bombardeamentos aéreos intensificaram-se e Bagdad continua a garantir que está quase a expulsar o Daesh da cidade. Por enquanto, ainda há dezenas de combatentes do Daesh em Mossul.

  • Dois jornalistas mortos pelo Daesh no norte do Iraque

    Mundo

    Dois jornalistas de uma estação de televisão iraquiana foram mortos pelo grupo extremista Daesh numa aldeia a sul de Mossul, na região norte do Iraque. A informação foi confirmada pelo canal onde trabalhavam os dois repórteres e por um porta-voz do Ministério do Interior iraquiano.

  • Famílias das vítimas de Pedrógão criam associação para apurar responsabilidades
    2:13
  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15