sicnot

Perfil

Mundo

António Guterres lamenta morte do Nobel da Paz

Kin Cheung

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, lamentou esta quinta-feira a morte do ativista chinês Liu Xiaobo, prémio Nobel da Paz, que morreu vitima de cancro no hospital, sob custódia, depois de quase nove anos numa prisão na China.

Guterres está "profundamente triste" com a morte de Liu e "apresentou as suas condolências à família e amigos", disse o seu porta-voz numa conferência de imprensa. Ao contrário de outros líderes, o secretário-geral da ONU evitou fazer apelos ao governo chinês sobre a situação da viúva do ativista, Liu Xiaobo, que está sob prisão domiciliar.

"Nós não temos mais nada a dizer no momento", disse Stéphane Dujarric face a questões colocadas sobre este respeito.

Aos 61 anos, Liu Xiaobo morreu hoje vítima de cancro do fígado num hospital de Shenyang, nordeste da China, onde estava desde 26 de junho, depois de ter passado mais de oito anos preso por "subversão".

Lusa

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
  • O que faz um guaxinim às duas da manhã num quartel de bombeiros?

    Mundo

    Os animais são muitas vezes os protagonistas de histórias incríveis ou até insólitas. Desde o cão mais pequeno ao urso mais assustador. Desta vez, o principal interveniente é um guaxinim, que foi levado até um quartel de bombeiros por uma dona muito preocupada. Porquê? O animal estava sob o efeito de drogas.

    SIC

  • "Por vezes até as princesas da Disney ficam apavoradas"

    Mundo

    A atriz norte-americana Patti Murin foi esta semana elogiada nas redes sociais por se preocupar com a sua saúde mental e não ter problemas em falar sobre o assunto. A artista faltou a um espetáculo da Disney, onde ia atuar, devido a um ataque de ansiedade.

    SIC