sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos três mortos em incêndio em prédio em Honolulu

Pelo menos três pessoas morreram na sexta-feira num incêndio num edifício de apartamentos em Honolulu, nos Estados Unidos.

O incêndio nos apartamentos Marco Polo, nos arredores de Waikiki, começou no 26.º andar e espalhou-se pelo menos par ao 27.º e para várias frações, segundo o porta-voz dos bombeiros de Honolulu, David Jenkins, alertando que o número de mortos pode aumentar.Os bombeiros indicam que receberam informação de pessoas presas nas suas casas, no edifício em chamas.O prédio tem 568 apartamentos e quatro espaços comerciais, distribuídos por 31 andares. Os paramédicos assistiram vários feridos e pelo menos duas pessoas foram enviadas para o hospital.Troy Yasuda, que mora num prédio do outro lado da rua, ofereceu água às pessoas retiradas do edifício. "Estavam a sufocar com o fumo", descreveu, dizendo que a polícia usou megafones para ordenar às pessoas que deixassem as suas casas.Aaron Dengler, morador do quarto andar, disse que cerca de duas horas depois do incêndio começar as chamas pareciam maiores e capazes de chegar ao 28.º andar. "As pessoas estão a ficar nervosas. É preocupante", comentou.

Lusa

  • "Se estivesse a governar estaria preocupado com o futuro e não só com o presente"
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • EUA negam ter declarado guerra à Coreia do Norte

    Mundo

    Os Estados Unidos negaram esta segunda-feira ter declarado guerra à Coreia do Norte e frisaram que Pyongyang não pode disparar contra os seus aviões em águas internacionais, em resposta a uma ameaça do ministro dos Negócios Estrangeiros norte-coreano.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.