sicnot

Perfil

Mundo

Coiote fez 35 quilómetros preso num para-choques

@georgie knox /facebook

Georgie Knox atropelou na semana passada um coiote a caminho do trabalho no Canadá e ficou surpreendida quando reparou que o animal não só tinha ficado preso no para-choques do carro, como ainda estava vivo.

Georgie Knox percorreu os cerca de 35 quilómetros que ligam Airdrie a Calgary sem perceber que o animal tinha ficado preso.

A canadiana só reparou na presença do animal quando chegou ao local de trabalho.

Georgie Knox chamou uma equipa do Departamento de Caça e Pesca para retirar o coiote do para-choques sem causar danos ao animal.

O coiote foi retirado em segurança e para surpresa dos profissionais e da condutora, o animal não apresentava qualquer ferimento.

"Milagrosamente, foi libertado com lesões mínimas", disse Georgie Knox citada pela BBC.

No Canadá, os atropelamentos de animais nas estradas são muito frequentes, devido ao território selvagem que cobre grande parte do país.

@georgie knox/facebook

  • UGT reivindica que salário mínimo ultrapasse os 600€
    0:26

    Economia

    O secretário-geral da UGT reivindica que até 2019 o salário mínimo nacional ultrapasse os 600 euros. Este sábado, num congresso distrital na Guarda, Carlos Silva considerou que o Governo tem condições para ir mais além e voltou a defender que para o próximo ano o patamar mínimo para a negociação deve ser os 585 euros.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.

  • Tony Carreira em Paris com sala cheia
    2:36

    Cultura

    O cantor Tony Carreira actuou ontem em Paris e teve sala cheia a aplaudir os temas que o tornaram conhecido há quase 30 anos. As recentes acusações de plágio não parecem afectar a popularidade do artista, que vai continuar em tournée. A Sic acompanhou o artista neste concerto.