sicnot

Perfil

Mundo

Juncker defende entrada imediata de Roménia e Bulgária no espaço Schengen

Bogdan Cristel

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, defendeu hoje, durante o seu discurso sobre o Estado da União, em Estrasburgo, que "é mais que altura" de Roménia e Bulgária juntarem-se ao espaço Schengen de livre circulação.

Dirigindo-se ao Parlamento Europeu, o presidente do executivo comunitário argumentou que uma Europa com robustas fronteiras externas, como deve ser o caso, também tem que ser "inclusiva", e sustentou que é chegada a altura de dar acesso ao espaço Schengen a Roménia e Bulgária, e, em breve, à Croácia, assim que este país cumprir todos os critérios.

No mesmo sentido, Juncker manifestou o desejo de ver mais países aderirem à zona euro, pois o euro deve ser mais que a moeda de um grupo de países, e deve servir "para unir o continente, e não dividi-lo".

Lusa

  • Uma viagem pela Estrada Nacional 236
    2:52
  • A reconstrução depois da tragédia de Pedrógão
    2:43
  • Marcelo reúne-se na quarta-feira com Putin

    País

    O Presidente da República reúne-se na quarta-feira, em Moscovo, com o líder russo, Vladimir Putin, informou este domingo a Presidência. Marcelo Rebelo de Sousa estará na capital da Federação Russa para assistir ao jogo da seleção portuguesa na fase final do Mundial de Futebol com a equipa de Marrocos

  • Novo busto de Ronaldo foi pedido pelo Museu CR7
    2:07
  • Grécia e Macedónia assinam acordo histórico
    2:02

    Mundo

    A Grécia e a Macedónia assinaram um acordo histórico para mudar o nome da antiga República Jugoslava para República da Macedónia do Norte. Em causa está um problema diplomático entre os dois países que dificultou os planos da Macedónia em aderir à União Europeia e às Nações Unidas.