sicnot

Perfil

Mundo

Indonésia ordena saída de 100 mil do sopé do vulcão em Bali

Johannes Christo

Menos de metade dos cerca de 100 mil residentes, que deviam abandonar a zona de risco em redor do vulcão Agung, em erupção em Bali, saíram da área até agora, anunciaram hoje as autoridades.

O alargamento da zona de risco para dez quilómetros em redor da cratera afeta 22 localidades e entre 90 mil a 100 mil pessoas, disse Sutopo Purwo Nugroho, porta-voz da agência de gestão de desastres da Indonésia, em conferência de imprensa, em Jacarta.

As autoridades indonésias elevaram para o nível máximo o alerta relacionado com a erupção vulcânica e as nuvens de cinza obrigaram ao encerramento do aeroporto internacional de Bali.

Nugroho indicou que cerca de 40 mil pessoas deixaram o local, mas outras não o fizeram, dizendo que se sentem seguras e não querem abandonar os seus animais.

Segundo o porta-voz, as autoridades vão tentar convencer os residentes.

"Se necessário, vamos retirá-los à força", afirmou.

Com Lusa