sicnot

Perfil

Mundo

Homem rompe a garganta ao tentar impedir espirro

Lucas Jackson

Impedir um espirro apertando o nariz pode causar sérias lesões. Foi o que aconteceu a um homem na Grã-Bretanha que teve de ser hospitalizado porque sofreu uma rutura na garganta ao apertar boca e nariz ao espirrar.

O caso do homem de 34 anos é descrito na revista científica BMJ Case Reports, em que os médicos que o trataram descrevem a inicial dificuldade em perceber o que se passava com aquele paciente que chegou ao hospital de Leicester, já que casos como este são muito raros.

Raros, mas perigosos.

O homem queixava-se de dificuldades em engolir e uma "sensação de algo ter estourado" dentro da sua garganta, bastante inchada. Disse então que estes problemas começaram após ter tentado impedir um espirra apertando o nariz e fechando a boca.

Espirro a 240 km/h

"Quando se espirra, o ar sai a cerca de 240 km por hora", explicou o médico Anthony Aymat, diretor do serviço de otorrinolaringologia da London's University Hospital Lewisham à Associated Press.

"Se retivermos essa pressão, isso pode provocar sérios estragos e ficamos parecidos com o homem da Michelin, cheios de ar dentro do nosso corpo".

Estalido, crepitar e estouro

Ao examinar o homem com aversão a espirros, os médicos ouviram um "crepitar no pescoço" até à caixa torácica, sinal de que havia bolhas de ar dentro do seu peito. Um raio-X mostrou que a traqueia estava de facto rebentada, com ar a sair para os tecidos moles do pescoço.

Dado o risco de infeção ou outras complicações, o homem ficou internado durante uma semana, alimentado por um tubo e foi-lhe administrado antibiótico por via intravenosa, explica o artigo científico. A recuperação correu bem.

O que devemos fazer

Os espirros espalham doenças pelo que, se é bom deitar para fora do nosso organismo vírus e bactérias, temos de ter cuidado com os outros. Devemos espirrar para um lenço, por exemplo.

O ideal seria espirrar mesmo alto e sem constrangimentos - mas isso não é socialmente aceite.

AP

  • Inglaterra goleia o Panamá e apura-se para os oitavos de final do Mundial

    Mundial 2018 / Inglaterra

    A Inglaterra venceu o Panamá por 6-1 e garantiu, assim, a qualificação para os oitavos-de-final do Mundial quando ainda falta um jogo para terminar a fase de grupos. Só na primeira parte, a equipa inglesa marcou cinco golos, sendo que dois resultaram de penáltis. Destaque para Harry Kane que hoje fez um hat-trick e soma, portanto, cinco golos só neste Mundial. Referência para o Panamá que ao minuto 78 marcou o primeiro golo de sempre num Mundial. No último encontro Inglaterra e Bélgica irão discutir o primeiro lugar do Grupo G.

  • Marcelo de volta a casa após diagnóstico de gastroenterite aguda
    3:37