sicnot

Perfil

Mundo

Congresso dos EUA aprova orçamento para pôr fim ao "shutdown"

Joshua Roberts

O Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou hoje um acordo orçamental para pôr fim à segunda paralisação de serviços da administração (shutdown) em três semanas, em vigor desde a meia-noite.

A câmara baixa do Congresso adotou o acordo às 05:30 locais (10:30 em Lisboa), com 240 votos a favor e 186 contra.

O texto, aprovado no Senado às primeiras horas da madrugada, prolonga até 23 de março o financiamento da administração federal.

O acordo orçamental, de 400 mil milhões de dólares (326,6 mil milhões de euros), tem ainda de ser promulgado pelo Presidente, Donald Trump.

As votações deviam ter sido feitas na quinta-feira, antes do shutdown, às 00:00, mas foram bloqueadas pelo senador republicano Rand Paul, contrário ao aumento significativo da despesa pública e do teto de endividamento.

Este é o segundo shutdown da administração Trump, o primeiro dos quais ocorreu a 20 de janeiro.

  • Continuam as demissões na Casa Branca
    1:38

    Mundo

    Há mais um assessor de Donald Trump a deixa a Casa Branca. Com a saída de Rob Porter, são já 13 as demissões desde a tomada de posse do Presidente dos Estados Unidos da América. Porter foi obrigado a afastar-se perante as alegações de violência doméstica e o historial de abusos, denunciado por duas ex-mulheres.

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.