sicnot

Perfil

Mundo

Governo dos EUA "profundamente entristecido" pelo acidente aéreo na Rússia

MAXIM SHIPENKOV

O Governo norte-americano declarou-se "profundamente entristecido" pelo acidente aéreo que este domingo provocou 71 mortos perto de Moscovo e enviou as suas condolências ao povo russo pelas "trágicas mortes", informou a Casa Branca.

O aparelho, um Antonov An-148 das linhas aéreas Saratovskie Avialinii, despenhou-se nos arredores de Moscovo por motivos ainda desconhecidos após descolar do aeroporto de Domodedovo, o segundo maior da capital russa.

"Os Estados Unidos estão profundamente entristecidos pelas trágicas mortes dos que viajavam no voo 703 da linha aérea Saratov. Enviamos as nossas condolências às famílias daqueles que perderam as suas vidas e ao povo da Rússia", assinalou a Casa Branca num breve comunicado.

O avião, com destino à cidade de Orsk, no sul dos montes Urais, tinha saído de Moscovo às 14:21 locais (11:21 em Lisboa) e, após descolar, desapareceu dos radares e despenhou-se entre as localidades de Arguntsevo e Stepanovo, na província da capital russa.

Os restos do avião ficaram disseminados no raio de cerca de um quilómetro.

O ministro dos Transportes da Rússia, Maxim Sokolov, que lidera a comissão governamental responsável pela investigação do desastre, indicou que a identificação das vítimas vai requerer exames comparativos de ADN.

Segundo os dados preliminares, todos os ocupantes do avião eram cidadãos russos.

Com Lusa

  • Um Rio de críticas a António Costa
    3:47