sicnot

Perfil

Mundo

Turquia detém mais de 650 manifestantes contra ofensiva na Síria

Umit Bektas

A polícia turca deteve 666 manifestantes que protestaram contra a ofensiva militar da Turquia no enclave de Afrin, no noroeste da vizinha Síria, iniciada a 20 de janeiro último, indicou esta segunda-feira o Ministério do Interior local.

Num comunicado, é referido que o Ministério Público acusa os detidos de "propaganda terrorista" nas redes sociais ou por protestos nas ruas e relaciona as iniciativas com a milícia curda Unidades de Proteção do Povo (YPG), combatida pelo exército turco em Afrin.

O Governo turco proibiu todos os protestos públicos contra a operação militar "Ramo de Oliveira", dirigida contra a milícia curda.

Diversos ativistas dos direitos humanos afirmaram que, na atual situação, "dizer simplesmente que alguém prefere a paz em detrimento da guerra é considerado um delito" na Turquia.

Ancara tem insistido que a população turca "apoia a 100%" a operação militar.

O terceiro partido no parlamento turco, o HDP, de esquerda e pró-curdo, afirmou-se "claramente contra" a operação, enquanto pelo menos 173 escritores, artistas e intelectuais assinaram uma carta aberta a protestar contra a invasão de Afrin.

O exército turco tem afirmado que, desde o início da ofensiva, neutralizou (abatendo, ferindo ou capturando) 1.369 milicianos das YPG.

Por seu lado, o Observatório Sírio dos Direitos Humanos fala em 152 combatentes do YPG mortos, a que se acrescentam pelo menos 74 civis e 25 elementos do exército turco.

Lusa

  • Explosão em restaurante no Canadá causa pelo menos 15 feridos, 3 graves
    0:56

    Mundo

    Pelo menos 15 pessoas ficaram feridas numa explosão em Mississauga, Ontário, no Canadá. Três vítimas estão em estado grave. Os feridos foram levados para vários hospitais da zona. De acordo com as autoridades, a explosão foi causada por dois homens, com cerca de 20 anos, num restaurante indiano, que fugiram do local depois do ataque. A zona foi evacuada e a polícia está a investigar o caso.

    Em atualização

  • Congresso do PS começa hoje na Batalha

    País

    O 22.º Congresso do PS começa hoje, na Batalha, distrito de Leiria, e durante o qual o secretário-geral, António Costa, deverá defender uma linha de continuidade estratégica, procurando, em simultâneo, projetar desafios estruturais que se colocam ao país.

  • Gonçalo Guedes: o menino franzino que jogava mais que os outros em Benavente
    8:47
  • Juiz impede acesso a informações bancárias e e-mails de António Mexia
    1:50

    País

    No inquérito crime que investiga a EDP, continua um braço de ferro entre o Ministério Público e o juiz de instrução. O magistrado voltou a negar o acesso a informações bancárias e a e-mails de António Mexia, que constavam dos processos da Operação Marquês e do universo Espírito Santo.

  • Universidade de Coimbra não retira Honoris Causa a Lula
    3:30
  • Estudo acaba com teorias da conspiração sobre a morte de Hitler

    Mundo

    Existem algumas versões sobre o desaparecimento do ditador nazi, Adolf Hitler. Há quem diga que viajou para um país da América do Sul, outros acreditam que está escondido na Antártida e há até quem vá mais longe e acredita que estaria na Lua. Mas, teorias da conspiração à parte, a história oficial diz que Hitler suicidou-se num bunker, em Berlim, Alemanha.

    SIC