sicnot

Perfil

Mundo

Jacob Zuma demite-se da Presidência da África do Sul

Sumaya Hisham

O Presidente sul-africano Jacob Zuma anunciou esta quarta-feira a demissão do cargo com efeitos "imediatos".

"Decidi demitir-me do cargo de Presidente da República com efeitos imediatos, apesar de discordar da direção do meu partido", afirmou Zuma, numa declaração ao país transmitida pela televisão.

A declaração foi feita horas depois de Zuma ter recusado ceder à exigência do partido, que na segunda-feira lhe deu 48 horas para se demitir, e afirmado que aceitaria contudo a decisão do Parlamento, que tem previsto votar na quinta-feira uma moção de censura.

Zuma, 75 anos, tem estado sob intensa pressão para ceder poder ao seu vice-Presidente e novo líder do ANC, Cyril Ramaphosa.
Jacob Zuma, no poder desde 2009, enfrenta acusações de corrupção e favorecimento indevido de empresários de quem é amigo, em prejuízo da Economia sul-africana.

Há um ano que a impopularidade do chefe de Estado não cessa de aumentar, devido sobretudo à demissão do respeitado ministro das Finanças Pravin Gordhan, em março de 2016, criticada dentro do próprio partido e que levou milhares a manifestarem-se nas ruas para exigir a renúncia de Zuma.

Com Lusa

  • Germano Almeida vence Prémio Camões

    Cultura

    O escritor cabo-verdiano Germano Almeida é o vencedor do Prémio Camões 2018, foi esta segunda-feira anunciado, no Hotel Tivoli, em Lisboa, após reunião do júri.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Eis os novos heróis de Vila de Aves
    3:03
  • Desportivo das Aves fora da Liga Europa

    Desporto

    O Desportivo das Aves não vai à Liga Europa e o Sporting terá entrada direta na fase de grupos. Apesar da conquista da Taça de Portugal, a equipa avense não se licenciou em tempo útil para poder participar na prova da UEFA, apurou a SIC.

  • E agora, Sporting? Semana de decisões e incertezas
    2:53
  • "Para primeiro dia de pesca da sardinha, não foi mau"
    2:19
  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29

    País

    José Sócrates garantiu este domingo que não atacará o PS e que continua a ser socialista. O antigo primeiro-ministro participou num almoço de apoio, em Lisboa, com cerca de 100 pessoas, a maioria anónimos.